sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

Cinegrafista é atingido por bomba durante protesto no Rio de Janeiro

Profissional trabalha para a TV Bandeirante e está hospitalizado

O cinegrafista Santiago Andrade, da TV Bandeirantes, foi atingido por uma bomba durante manifestação desta quinta-feira no Rio de Janeiro, nas proximidades da Central do Brasil. O profissional gravava o protesto quando uma bomba explodiu ao lado de sua cabeça.
Andrade foi levado para o Hospital Municipal Souza Aguiar, onde foi operado no centro cirúrgico. De acordo com colegas, o estado de saúde é grave. Não se sabe, até o momento, de onde teria partido a bomba.
A Polícia Militar (PM) prendeu 28 manifestantes que participavam de um protesto contra o aumento das passagens de ônibus na Central do Brasil. O grupo foi colocado em um micro-ônibus da PM e levado para a 19ª Delegacia de Polícia.
O protesto começou pacífico às 18h30 com uma passeata pela Avenida Presidente Vargas até a Central do Brasil, mas terminou em um grande tumulto, quando os manifestantes invadiram o prédio da central e forçaram a liberação das roletas. Policiais da tropa da choque interviram com o objetivo de esvaziar a estação e houve confronto.
Em nota divulgada na noite de ontem, o Grupo Bandeirantes lamentou o caso:
"Durante as manifestações na Central do Brasil, nesta quinta-feira, no Rio de Janeiro, o cinegrafista Santiago Andrade da Band foi ferido na cabeça por um artefato — não se sabe, por enquanto, se uma bomba de gás lacrimogênio ou de fabricação caseira. O cinegrafista, que perdeu muito sangue, foi levado sem sentidos, num carro da polícia, para o Hospital Souza Aguiar, onde passou por uma tomografia e está sendo submetido a uma cirurgia. Seu estado é grave. A Band espera no hospital, junto á família de Santiago, os resultados da cirurgia e poderá voltar com novas informações".
Fonte: AGÊNCIA BRASIL

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens que talvez você não viu!!!