terça-feira, 28 de outubro de 2014

Três Palmeiras - Será que vai prestar?

Deixe seu comentário:



+ Mais Informações ››››››

Três Palmeiras - Sem Comentário ...






+ Mais Informações ››››››

Definido o calendário escolar para o ano letivo de 2015

As aulas nas redes pública e privada em 2015 começarão entre os dias 18 e 26 de fevereiro, com término em 23 de dezembro e recesso escolar entre 18 de julho e 2 de agosto. As redes estadual, municipais e privada têm autonomia para definir o dia de início das aulas, dentro da margem estabelecida.
O calendário escolar gaúcho é definido em parceria entre Assembleia Legislativa, Secretaria Estadual da Educação (Seduc), União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime) RS, Conselho Estadual de Educação (CEEd), sindicato dos professores do ensino privado e de escolas privadas (Sinpro e Sinepe), além de entidades estudantis como a União Gaúcha de Estudantes (Uges) e União Nacional de Estudantes (UNE) e estabelece um mínimo de 800 horas e 200 dias letivos.
O Protocolo de Intenções que define o calendário escolar para o próximo ano foi assinado por representação das partes na manhã desta terça-feira (28), na Assembleia Legislativa (AL) do Estado.
Além das datas referenciais, o protocolo prevê a antecipação do feriado do dia do professor para o dia 13 de outubro e a definição de um feriado-ponte no primeiro semestre. O secretário estadual da Educação, Jose Clovis de Azevedo, destacou que o ato de assinatura configura-se como “um ato republicano”. Para o titular da Seduc, a iniciativa demonstra a capacidade das partes em estabelecer pontos de mediação que atendem a interesses de professores e servidores que atuam em mais de uma rede e o transporte escolar gaúcho, que atende as redes estadual e municipais no interior do Estado.
Azevedo lembra ainda que o calendário leva em consideração características do Rio Grande do Sul, como o início das aulas após o Carnaval, duas semanas de recesso em julho e término do ano letivo até meados da segunda quinzena de dezembro. "Nosso verão é muito rigoroso, e, além disso, a atividade econômica nos litorais norte e sul é muito estimulada com o veraneio, e essas são características que devem ser preservadas", disse o secretário.
Participaram do ato o presidente da AL, deputado Gilmar Sossela, deputados estaduais e representantes de todas as instituições que acordaram o Protocolo de Intenções.
 Texto: Patrícia Coelho
Calendário Escolar 2015
PROTOCOLO DE INTENÇÕES – CALENDÁRIO ESCOLAR 2015
Protocolo que entre si celebram a Assembleia Legislativa do Estado do
Rio Grande do Sul (ALRS); a Comissão de Educação Cultura,
Desporto, Ciência e Tecnologia da ALRS (CECDCT); a Secretaria
Estadual da Educação (SEDUC); a Federação das Associações e
Círculos de Pais e Mestres do RS (ACPM-Federação); o Sindicato dos
Estabelecimentos de Ensino Privado do RS (SINEPE/RS); o Sindicato
dos Professores do Ensino Privado do RS (SINPRO/RS); a Federação
das Associações dos Municípios do RS (FAMURS); a União Nacional
dos Dirigentes Municipais de Educação (UNDIME/RS); o Conselho
Estadual de Educação (CEEd), o Centro de Professores do Estado do
Rio Grande do Sul (CPERS- Sindicato), a União Estadual dos
Estudantes do Rio Grande do Sul (UEE-RS),União Gaúcha dos
Estudantes Secundaristas (UGES), e a União Nacional dos Estudantes
(UNE-RS) visando a estabelecer o Calendário Escolar Gaúcho de
2015 para a Educação Básica.
Por este PROTOCOLO DE INTENÇÕES, as partes: Assembleia Legislativa do
Estado do Rio Grande do Sul (ALRS), neste ato representada pelo seu presidente, Deputado Gilmar
Sossela; a Comissão de Educação Cultura, Desporto, Ciência e Tecnologia da ALRS (CECDCT),
neste ato representada por sua presidente, Deputada Ana Affonso; a Secretaria de Estado da
Educação (SEDUC), neste ato representada pelo Secretário de Estado Jose Clovis de Azevedo; a
Federação das Associações e Círculos de Pais e Mestres do RS (ACPM-Federação), neste ato
representada por sua presidente, Berenice Cabreira da Costa; o Sindicato dos Estabelecimentos de
Ensino Privado do RS (SINEPE/RS), neste ato representado por seu presidente, Bruno Eizerik; o
Sindicato dos Professores do Ensino Privado do RS (SINPRO/RS), neste ato representado pelo seu
diretor titular de Educação, Celso Floriano Stefanoski; a Federação das Associações dos Municípios
do RS (FAMURS), neste ato representada por seu coordenador da Área de Educação, Cultura e
Turismo, Janir Souza Branco; a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação
(UNDIME/RS), neste ato representada pelo seu presidente Eliezer Pacheco; o Conselho Estadual de
Educação, neste ato representado por sua presidente, Cecília Farias; o Centro de Professores do Estado
do Rio Grande do Sul (CPERS- Sindicato), neste ato representado pelo seu secretário geral, Edson
Rodrigues Garcia; a União Estadual dos Estudantes do Rio Grande do Sul (UEE-RS), neste ato
representado por seu presidente, Fábio Kucera, a União Gaúcha dos Estudantes Secundaristas (UGES),
neste ato representado por sua presidente, Letícia Moreira da Silva; e a União Nacional dos
Estudantes (UNE-RS), firmam as cláusulas e condições que seguem:
CONSIDERANDO a diversidade de datas de início e término dos anos letivos
verificadas nos calendários escolares do Rio Grande do Sul até o ano de 2001;
CONSIDERANDO a aceitação dos prazos estipulados nos Protocolos de Intenções
assinados de 2002 a 2014;
CONSIDERANDO as peculiaridades do Rio Grande do Sul, no que se refere ao
período das férias escolares de verão, que ocorrem historicamente nos meses de janeiro e fevereiro;
CONSIDERANDO a busca de uma proposta pactuada entre as três redes do sistema
de ensino e as entidades representativas da sociedade gaúcha no sentido de se respeitar o
planejamento familiar, escolar e socioeconômico da comunidade gaúcha;
CONSIDERANDO o cumprimento da carga horária mínima anual de 800
(oitocentas) horas distribuídas por um mínimo de 200 (duzentos) dias de efetivo trabalho escolar,
em observância à Lei 9.394/96, LDB, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional;
RESOLVEM celebrar o presente PROTOCOLO DE INTENÇÕES, na forma das
cláusulas e condições que seguem:
I – DO OBJETO
Cláusula Primeira: O presente Protocolo de Intenções tem como objetivo estabelecer diretrizes para
a definição das datas de início e término do ano letivo do Calendário Escolar Gaúcho de 2015 para
a Educação Básica.
II – DAS INTENÇÕES
Cláusula Segunda: Fica acordado que o ano letivo de 2015, nas redes Públicas e Privadas do Rio
Grande do Sul, terá inicio entre os dias 18 e 26 de fevereiro de 2015, tendo o encerramento
previsto até o dia 23 de dezembro de 2015.
Cláusula Terceira: Recomendam, as partes, que o recesso escolar, cuja duração será determinada
por cada Rede, deverá ocorrer entre o período de 18 de julho a 02 de agosto de 2015, assegurando
que em todas as redes o recesso para estudantes e professores deverá ocorrer no período de 26 de
julho a 02 de agosto de 2015.
Cláusula Quarta: Recomendam, ainda, as partes, um feriado ponte no primeiro semestre,
definido em conjunto em cada município, para todas as redes do sistema de ensino e a
antecipação do feriado pela passagem do Dia do Professor que ocorre em 15 de outubro para
dia 13 de outubro de 2015.
Cláusula Quinta: Os estabelecimentos de ensino médio com carga horária anual superior a
800 horas devem integralizar a carga horária utilizando dois turnos de funcionamento da escola
para atendimento aos alunos.
III – DA VIGÊNCIA
Cláusula Sexta: O prazo de vigência do presente Protocolo é pelo período do ano letivo de 2015.
E por estarem assim acordados, os participantes firmam o presente instrumento em
03 (três) vias, de igual teor e forma, destinados à Presidência da ALRS, à CECDCT e à SEDUC,
com cópia para os demais signatários, para que produza seus efeitos jurídicos e legais.
Porto Alegre, 22 de outubro de 2014.
Deputado Gilmar Sossela,
Presidente da ALRS.
Jose Clovis de Azevedo,
Secretário de Estado da Educação.
Deputada Ana Affonso,
Presidenta da CECDCT.
SINEPE/RS
SINPRO/RS
FAMURS
ACPM-Federação
UNDIME/RS
Conselho Estadual de Educação
CPERS – Sindicato
UGES
UEE-RS
UNE-RS
Postado por:Elisete Bohrer
+ Mais Informações ››››››

Pão segura marido














Massa:
1 kg de farinha de trigo
2 copos de leite morno
1 copo de óleo
1 colher de sopa de fermento biológico
Sal a gosto
Recheio:
250g de presunto
250g de mussarela
Massa de tomate
Requeijão
Orégano
Modo de preparo
Junte o leite morno, o óleo o fermento e o sal em uma vasilha e um pouco de farinha
Vá acrescentando mais farinha, misturando sempre a massa com as mãos para sentir o ponto
Acrescente farinha e misture até a massa ficar consistente e soltar das mãos e da vasilha
Deixe descansar por 15 minutos
Divida a massa do pão em dois, e abra uma das partes em uma superfície limpa e seca, com as mãos ou com um rolo
Espalhe uma camada de massa de tomate, cubra com presunto e depois a mussarela
Espalhe uma camada de requeijão e salpique o orégano
Dobre as beiradas da massa e enrole como se fosse um rocambole
Faça o mesmo com a outra parte da massa do pão
Leve ao forno pré-aquecido por cerca de 20 minutos
Fonte:Receita da Mimi


+ Mais Informações ››››››

Estudantes dos ensinos Fundamental e Médio podem concorrer a bolsas de iniciação científica

Estudantes do Ensino Fundamental e do Ensino Médio poderão concorrer a bolsas de iniciação científica para o ano de 2015. O edital para o Programa de Iniciação em Ciências, Matemática, Engenharias, Tecnologias Criativas e Letras (Picmel) foi lançado em 22 de outubro, numa parceria da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul (Fapergs) com a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), e terá inscrições abertas até as 17h59min do dia 30 de janeiro de 2015.
O objetivo do programa é despertar a vocação científica e incentivar talentos potencias nas áreas abrangidas pelo Picmel, em alunos do ensino público fundamental e médio. O Picmel receberá um montante de R$ 3,687 milhões. A estimativa da Fapergs é conceder 450 bolsas de Iniciação Científica Júnior, 150 bolsas para professores da educação básica e 75 auxílios para pesquisadores.
Os valores das bolsas, respectivamente, são de R$ 150 para alunos e R$ 765 para professores. Aos pesquisadores será concedido, em cota única, auxílio de R$ 20 mil para aquisição de material permanente (microscópios, computadores, livros etc) e despesas de custeio relacionadas ao projeto de pesquisa contemplado. O prazo de vigência das bolsas/auxílio é de 12 meses, sem prorrogação.
O acesso ao programa se dará por meio de projetos de pesquisa relacionados às áreas abrangidas pelo edital (Ciências, Matemática, Engenharias, Tecnologias Criativas e Letras) apresentados por pesquisadores doutores com vínculo empregatício com Instituições de Ensino Superior (IES) ou centro de pesquisa público ou privado sem fins lucrativos do RS que atenderem aos requisitos do Edital Fapergs 09/2014, que normatiza o Picmel.
O projeto de pesquisa deverá ser encaminhado eletronicamente, por meio do SigFapergs – Sistema de Informação e Gestão de Projetos. O link de acesso está disponível no site da Fapergs: www.fapergs.rs.gov.br. O navegador a ser utilizado deve ser o Mozilla Firefox.
Inscrições e Informações sobre o programa são obtidas junto à Fapergs:
- Site www.fapergs.rs.gov.br;
- Sistema SigFapergs (http://sigfapergs.rs.gov.br)
- Sede da Fundação – Av. Borges de Medeiros, 261 – Porto Alegre – Fone 51-3221-4922 Ramal 200.
Fonte: Assesoria Seduc
Postado por:Elisete Bohrer

+ Mais Informações ››››››

Ronda Alta - Atropelamento

Na tarde desta terça-feira, 28-10, aconteceu um atropelamento em frente a Loja Moda 10, próximo a Lotérica de Ronda Alta. Na ocasião uma criança de aproximadamente 10 anos sofreu lesões leves, foi atendida pela SAMU e Brigada Militar, ela está sendo encaminhada para Passo Fundo para a realização de exames. Conforme informações a criança havia saído da escola e não estava utilizando na faixa de pedestres. O condutor do veículo com as iniciais E.L.M, prestou socorro. Confira as fotos.





 Fonte:Roger dos Reis/Rádio Comunitária Navegantes 
Postado por:Elisete Bohrer

+ Mais Informações ››››››

Jornal da Liberdade Edição 1156 do Dia 28 de outubro de 2014

Destaque desta edição.
Temperatura deve superar os 30°C no Rio Grande do Sul
Sutiã apertado, desodorante e anticoncepcional não causam câncer de mama, ao contrário do que diz a crença popular
Mulheres têm mais chances de sofrer Acidente Vascular Cerebral
SAFRA GAÚCHA: INTENÇÃO DE PLANTIO OTIMISTA SINALIZA PRODUÇÃO RECORDE


Apresentado Por: Alcione Gondorek 
+ Mais Informações ››››››

Quem não justificar o voto fica impedido de contar com serviços e benefícios públicos

O valor da multa, varia entre 3% e 10% do valor de 33,02 Ufirs, ou seja,de R$1,06 a R$3,51Quem não votou e não justificar pagará uma multa e ficará impedido de obter a certidão de quitação eleitoral. Mesmo que tenha votado no primeiro turno, o voto ou a justificativa para o segundo turno é obrigatório.
Pessoas hospitalizadas tem até 60 dias, depois das eleições, para apresentar atestado médico, o que desobriga o voto. O valor da multa, varia entre 3% e 10% do valor de 33,02 Ufirs, ou seja,de R$1,06 a R$3,51.
Sem a prova de que votou, de que pagou multa ou de que se justificou devidamente, o eleitor não poderá: inscrever-se em concurso ou prova para cargo ou função pública; receber vencimentos, remuneração, salário ou proventos de função ou emprego público; obter passaporte ou carteira de identidade; renovar matrícula em estabelecimentos de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo; obter empréstimos em estabelecimentos de crédito mantidos pelo governo; participar de concorrência pública ou administrativa da União e dos estados. Se o eleitor deixar de votar e de justificar a ausência em três eleições consecutivas, seu título será cancelado.
Créditos: Arquivo Rádio Uirapuru
Postado por:Elisete Bohrer

+ Mais Informações ››››››

Dois Irmãos das Missões Município foi palco do XVI Festival Estudantil da Canção

Grande público local e regional lotou o Ginásio de Esportes do município para prestigiar os artistas
O município de Dois Irmãos das Missões sediou na noite da última sexta-feira, 24, a XVI edição do Festival Estudantil da Canção. O evento, que ocorreu no Ginásio Municipal de Esportes, é uma promoção da Prefeitura Municipal através da Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Desporto do município.
O festival contou com inscritos nas categorias Infantil, Infanto-Juvenil, Juvenil e Adulta das escolas de Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio do município, assim como candidatos de municípios da região que concorreram na categoria Livre.
A secretária municipal de Educação, Silvana Broetto da Silva, destacou os objetivos do evento como o de promover a cultura musical, conhecer e estimular os talentos musicais locais e regionais, proporcionar o lazer artístico e cultural dos estudantes do município e a integração dos estudantes.
O prefeito, Derli da Silva Quadros, falou da importância do evento para o município, parabenizou os inscritos e agradeceu a participação de todos. “Eventos que envolvam a cultura sempre terão o pleno apoio da Administração Municipal, porque oportuniza a comunidade conhecer e apoiar o talento de nossos estudantes para a música, bem como à interação com talentos regionalmente conhecidos”, destacou.
A diversidade musical e a excelente qualidade das apresentações foi o ponto alto do Festival. Os candidatos cantaram do Sertanejo, Gauchescas e Bandinhas ao Pop Rock e MPB. A participação especial dos jurados Rodrigo Flores Gonçalves, Dian Cristiano Sonntag, Erlon Lissak e dos integrantes da banda contribuiu para o êxito do evento.
Confira as primeiras colocações em cada categoria:
1º lugar na categoria infantil – Patrícia Andrade Perini, da Escola de Educação Infantil Pequeno Polegar.
1º lugar na categoria infanto-juvenil – Samy Isadora Silva, da Escola Estadual de Ensino Médio Bento Gonçalves.
1º lugar na categoria juvenil – Wélisom Andrade Perini, da Escola Estadual de Ensino Médio Bento Gonçalves.
1º lugar na categoria adulta - Leonardo Felimberti, do Colégio Agrícola de Frederico Westphalen.
1º lugar na categoria livre – Vinicius Reis Braga, do município de Seberi.
A comissão organizadora agradeceu a participação de todos os que contribuíram para o sucesso de mais essa edição do Festival Estudantil da Canção em Dois Irmãos das Missões.
O acompanhamento musical foi realizado pela banda Legal de Boa Vista do Buricá e a apresentação esteve sob a responsabilidade da professora Neureli Vargas e do radialista Paulo Farias





Crédito: Jô do Carmo
Postado por:Elisete Bohrer






+ Mais Informações ››››››

Jornal dos Trabalhadores - Rio Grande do Sul - Edição 600 dia 28 de outubro de 2014

Ouça nesta edição:
Cartões de confirmação do Enem já estão disponíveis na internet;
Pelo 3º mês consecutivo, aumenta desmatamento da amazônia;
Intenção de plantio da safra gaucha prevê produção recorde.
+ Mais Informações ››››››

Postagens que talvez você não viu!!!