sábado, 20 de dezembro de 2014

Tempestade causa diversos estragos em Livramento

Quedas de árvores, postes e destelhamentos mobilizaram todas as unidades dos bombeiros do município
Uma forte tempestade acompanhada de vendaval causou grandes estragos e uma série de transtornos em Santana do Livramento, na região da campanha, na tarde deste sábado. De acordo com bombeiros do município, os ventos fortes ocorreram por cerca de 20 minutos. Ao fim da tarde, ainda chovia, mas com menos intensidade. Não há a confirmação de feridos.
Todas as unidades dos bombeiros de Livramento foram mobilizadas para atender a ocorrência. Passada mais de uma hora do ápice do vendaval, ainda não havia uma contabilização exata dos transtornos. Muitas árvores e postes caíram e casas foram destelhadas. Há falta de luz na cidade. A AES Sul informou que já iniciou os trabalhos de avaliação para recuperação da rede.
Um dos locais mais afetados pela chuva foi a rua Silveira Martins, que, devido à queda de árvores, ficou bloqueada ao trânsito. Na Praça Internacional, na fronteira com o Uruguai, também há relatos de avarias.
Conforme a MetSul Meteorologia, a estação do Inmet em Quaraí registrou rajadas de vento de 88 km/h pouco antes da intensificação das chuvas. A MetSul alerta para a linha de temporais que avança sobre o Rio Grande do Sul neste fim de semana e considera o quadro meteorológico do Estado como “preocupante”.
Fonte: Foto: Daniel Badra / Especial CP
 

+ Mais Informações ››››››

Novos extintores serão regra a partir de 2015

Após o anúncio das novas Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs) e das alterações nas placas de carros, que deverão ser unificadas nos países integrantes do Mercosul, agora, segundo uma determinação do Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN), os veículos deverão ser equipados, a partir de 1º de janeiro de 2015, com extintores de incêndio de pó químico do tipo ABC. De caráter obrigatório, com base na Resolução nº 333/2009, a medida prevê multas e perda de pontos na carteira aos motoristas que não a cumprirem, além da retenção do veículo até a regularização.
A nova regra está contida em uma resolução do CONTRAN, editada em 2004 e, posteriormente, suspensa, sendo colocada em prática mais uma vez em 2009. Com ela, os extintores do tipo BC integraram os carros fabricados até 2004, explicitando que os montados a partir de 2005 deveriam ser equipados com os do tipo ABC. “Acredito que, depois de 1º de janeiro de 2005, os veículos já foram fabricados de acordo com a lei. No entanto, o proprietário do veículo deve verificar o equipamento, pois, às vezes, a concessionária pode ter esquecido de trocar o apetrecho e ele pode ter problemas na via”, indica o Coordenador do Centro de Registro de Veículos Automotores (CRVA) de Passo Fundo, Roberto Francisco Serraglio.
O novo extintor tem capacidade de combater incêndios em peças do carro que o BC não conseguia e não pode ser carregado após o uso, sendo descartado. “O tipo BC, utilizado até hoje, tinha validade de apenas um ano e combatia incêndios de líquidos inflamáveis e de equipamentos elétricos. O ABC, além de combater esse tipo de incêndio, apaga o fogo de estofados e de partes de borracha, por exemplo, tendo duração de cinco anos”, explica Roberto.
Em lojas da cidade, o extintor ABC custa acima de R$ 65,00. O preço é considerado baixo, analisando a sua duração e a proteção que ele oferece. “Esse valor é o de troca. As pessoas podem levar o seu exintor antigo e trocá-lo com a empresa”, afirma o coordenador.
Conforme o artigo 230, incisos IX e X, do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), conduzir o veículo sem equipamento obrigatório ou com equipamento obrigatório em desacordo com o estabelecido pelo Contran é infração grave e o proprietário do veículo está sujeito a multa de R$ 127,69, mais 5 pontos na Carteira de Habilitação.
Placas
A partir de janeiro de 2016, as placas de veículos do Brasil serão padronizadas com as utilizadas em outros países do Mercosul. A regra atingirá a frota de quase 110 milhões de veículos do Brasil, Argentina, Paraguai, Uruguai e Venezuela, tendo como objetivo fortalecer a circulação entre os cinco países. “É uma medida de pradonização, importante para todos os países, pois, acima de tudo, facilita a consulta de veículos por parte dos órgãos de fiscalização”, comenta Roberto.
As novas placas adotadas no Mercosul terão as mesmas dimensões das já utilizadas no Brasil e o design será semelhante ao que existe nos países da União Europeia, com fundo branco e faixa azul na parte superior. Para a identificação, haverá o símbolo do Mercosul à esquerda, além do nome e da bandeira do país de origem do veículo.
Apesar de todas as alterações, a maior a ser levada em conta será a identificação, que passará de três letras e quatro números para duas letras, três números e mais duas letras. Esse modelo é capaz de gerar cerca de 450 milhões de combinações, 275 milhões a mais de possibilidades que existem hoje. “A placa atual estava no seu limite de combinações e, em alguns estados, estavam ficando sem em razão do aumento de veículos. Haverá mais placas disponíveis”, enfatiza o coordenador.
Roberto pondera, ainda, que a norma servirá apenas para os carros que forem vendidos a partir de 2016 ou que tenham sido enviados a outros municípios ou precisem mudar o lacre da placa. “Não é obrigatório que os carros vendidos antes data tenham a placa alterada, mas, conforme a legislação atual, o motorista que quiser obter a nova poderia obtê-la. Não sei como ficaria o custo, pois vai mudar o material e a textura. Essa regra de troca pode vir a mudar também. Tudo pode acontecer depois de 2016 e, talvez, o sistema ainda não está preparado para essa troca”, finaliza.
CNH
A partir de julho de 2015, a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) terá um novo modelo. Contendo 28 dispositivos de segurança, 8 a mais do que o utilizado atualmente, ele foi criado para impedir falsificação e adulteração. Entre eles os novos dispositivos, está um código cifrado com informações criptografadas, que poderá ser lido por agentes de trânsito através de aplicativos de celulares. Esse item vai servirá para a identificação de fraudes.

A documentação do veículo, que contém os certificados de registro e de licenciamento, terá mudanças e contará com 17 dispositivos de segurança. A meta é evitar golpes no pagamento de licenciamento e Imposto de Propriedade de Veículo Automotor.
Esse modelo da habilitação foi elaborado durante discussões que envolveram órgãos como Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), Conselho Nacional de Trânsito, Polícia Federal, e departamentos estaduais de Trânsito. Conforme o Denatran, as mudanças não vão implicar muito na aparência dos documentos ou aumentar o custo para os condutores e proprietários de veículos.
De acordo com o Centro de Formação de Condutores (CFC) Autotec, os preços para tirar a carteira terão um aumento em 2015, mas é como acontece anualmente. “A carteira aumentará em meados de fevereiro, mas não sabemos informar quanto”, afirma a representante de marketing, Natália Tussi, ressaltando que, a partir de dezembro deste ano, houve um acréscimo de 5 horas de aula prática de direção veicular com o uso de simuladores. A mudança já funcionava no Estado há algum tempo e, por isso, ela não causará diferença. 
Fonte:Liliana Crivello - Andressa Zorzetto 
Diário da Manhã 
Postado por:Elisete Bohrer
+ Mais Informações ››››››

DEPUTADO EDEGAR PRETTO SERÁ O PRESIDENTE DO PT NA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

O líder da bancada do PT, deputado reeleito Edegar Pretto, será o presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul na gestão 2017. A escolha foi definida por unanimidade nesta quinta-feira (19) durante reunião da nova bancada petista.
O deputado foi eleito para seu primeiro mandato como deputado estadual em 2010, sendo o mais votado do PT com 69.233 votos. Este ano foi reeleito com 73.122 votos e, pela segunda vez, foi o mais votado do partido no RS. É o atual líder da bancada e titular de duas comissões: a de Constituição e Justiça e Cidadania e Direitos Humanos. Edegar Pretto comemorou a escolha, realizada no dia seguinte da diplomação para seu segundo mandato. “Estou agradecido pelo reconhecimento dos meus colegas deputados e deputadas. Teremos um grande compromisso e desafio em representar o pensamento coletivo dos companheiros e companheiras da nova bancada, e do nosso partido, na presidência da Casa”, declarou o parlamentar.
Natural de Miraguaí, Edegar Pretto é formado em Gestão Pública e tem suas origens na agricultura familiar. É filho do deputado federal Adão Pretto – falecido em 2009 – que foi o primeiro agricultor eleito deputado estadual e depois deputado federal por cinco mandatos consecutivos. Seguindo os passos do pai, Edegar marcou seu primeiro mandato com ações voltadas às lutas dos movimentos sociais do campo e da cidade. Na Assembleia assumiu importantes desafios. Como líder da bancada ajudou a elaborar e defendeu as principais conquistas do Governo Tarso Genro.
Edegar Pretto é autor do SUSAF-RS, a lei das agroindústrias familiares. É idealizador e coordenador da Frente Parlamentar dos Homens pelo Fim da Violência contra a Mulher, e do Movimento Nacional de Homens Parlamentares pelo Fim da Violência contra a Mulher, lançado no Senado em Brasília. Ganhou reconhecimento internacional ao apresentar o trabalho da Frente Parlamentar na ONU, em 2013. Com o símbolo do cartão vermelho, organiza ações e incentiva os homens na luta pelo fim do machismo.
O deputado também idealizou e é coordenador a Frente Parlamentar pela Regularização Fundiária da Agricultura Familiar, que busca garantir a documentação da terra para os agricultores familiares que não possuem a titulação de suas propriedades.
Foto:Vinícius Reis
Fonte:Leandro Molina
Assessor de Comunicação
+ Mais Informações ››››››

Lagoa Vermelha - Mulher morre na colisão entre carro e caminhão

Acidente ocorreu na ERS 285 em Lagoa Vermelha.
Uma mulher de 56 anos morreu na madrugada deste sábado na ERS 285 em Lagoa Vermelha, no Norte gaúcho. De acordo com a Brigada Militar (BM), Maria de Fátima Pereira Lourenço estava em um Fiat Strada. O motorista do veículo teria perdido o controle do veículo e colidido na traseira de um caminhão.
Segundo a BM, o condutor estaria embriagado e não teria habilitação para dirigir. Ele danificou o veículo do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ao ter um surto de raiva. Após ter sido atendido, ele foi encaminhado para a Polícia Civil.
+ Mais Informações ››››››

Rio Grande do Sul - Pelo menos seis pessoas morreram em acidentes de trânsito nas últimas horas

 O mais grave deles aconteceu na Rua 10 de Novembro, no Bairro Botafogo, em Bento Gonçalves, na Serra do Rio Grande do Sul. As vítimas são dois jovens. Eles estavam em um Honda Civic que colidiu contra um poste por volta das 5h30 deste sábado (20). Os dois ainda não foram identificados.
Diversas partes do carro ficaram espalhadas na via (Foto: Altamir Oliveira / Rádio Estação FM)
Em Santo Cristo, na Região Noroeste do estado, um motociclista de 33 anos morreu após uma colisão contra um carro na RSC-472. De acordo com o Comando Rodoviário da Brigada Militar (CRBM), a vítima foi identificada como Gilmar Schultz. Outras três pessoas que estavam no carro tiveram ferimentos leves e foram atendidas pelo Samu.
Em Lagoa Vermelha, na Serra, uma mulher de 56 anos morreu em um acidente na ERS-285 depois que o motorista do carro colidiu contra a traseira de um caminhão. O motorista sofreu ferimentos e foi atendido pelo Samu.
Em Porto Alegre, um acidente matou uma pessoa por volta das 6h na Rua Dr. Barcelos, na Zona Sul. Também houve um atropelamento com morte por volta das 7h na Estrada Retiro da Ponta Grossa, no Bairro Belém Novo. As vítimas não foi identificadas. Fonte: G1
+ Mais Informações ››››››

Postagens que talvez você não viu!!!