segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Manjar de Jabuticaba









Ingredientes
Para o Manjar:
1 quilo de jabuticaba
4 litros de água
1½ litro do caldo do cozimento (todo o resultado)
1½ xícara (chá) de amido de milho
1½ xícara (chá) de açúcar
1 colher (sopa) de margarina sem sal
Para a Calda:
1½ xícara (chá) de água
1 xícara (chá) de açúcar
Toda a casca residual do cozimento do manjar
Modo de preparo
Coloque em uma panela a jabuticaba já lavada com a água e o açúcar. Cozinhe em fogo alto por cerca de 20 minutos. Coe. Coloque o líquido já coado em uma panela junto com o amido, o açúcar e cozinhe, mexendo sempre, até que fique um creme. Neste instante, coloque a margarina, misture e coloque em uma forma levemente untada com água. Espere esfriar e coloque na geladeira para firmar, de um dia para o outro.
Para a Calda; coloque o bagaço em uma panela com a água. Depois de cozido por aproximadamente 10 minutos, espere esfriar e regue o manjar.


+ Mais Informações ››››››

SARANDI - CARRETA SAI DA PISTA E TOMBA A CARGA ÀS MARGENS DA BR 386

Por volta das 11:00 de segunda-feira, dia 28, uma carreta carregada de adubo que deslocava-se sentido Sarandi/São José das Missões, saiu da pista e tombou às margens do Km 109 da BR 386.
Segundo a PRF que atendeu o sinistro o motorista perdeu o controle, saiu da pista e não conseguiu evitar o tombamento do veículo e da carga, que ficou espalhada ao lado da via.
O motorista foi socorrido pelo SAMU e deslocado até o hospital de Sarandi. Não houve interrupção do fluxo de trânsito.
Fotos recebidas via WhatsAap
Fonte: DiárioRS
Postagem: Elisete Bohrer
+ Mais Informações ››››››

Jornal da Liberdade edição 1.353

Jornal da Liberdade edição 1.353
Produção e edição; Elisete Bohrer
Supervisão; Eloidemar Guilherme
Apresentação; Isael Smieski
Confira o que você vai ouvir:
*Alta do dólar deve gerar aumento de 10% a 20% no pão do RS
*Brasil anuncia objetivo de reduzir em 43% emissões de gases estufa até 2030
*Trânsito é responsável por 38% das mortes acidentais de crianças e adolescentes
*Maioria dos municípios gaúchos terá dificuldades para fechar as contas no final do ano
*Fenômeno da Superlua e Eclipse pode ser visto no RS
*PALMEIRA DAS MISSÕES - PREFEITOS DA REGIÃO DA AMZOP REALIZAM MANIFESTAÇÃO
Postagem: Elisete Bohrer

+ Mais Informações ››››››

Três Palmeiras - Segundo Jantar Italiano e Primeiro Encontro de Corais

Aconteceu neste dia 26 de setembro de 2015 o 2º Jantar Italiano Em Três Palmeiras, mas antes do jantar, na Igreja Matriz tivemos o 1º Encontro de Corais, a Associação Italiani in Brasile agradece a presença de todos, o jantar apesar de não ter contado com um grande número de pessoas e apesar de ter chovido muito foi um grande sucesso.
Neste vídeo, a música "Mèrica, Mèrica, Mèrica, de improviso, sem nenhum tipo de ensaio, cantando juntos da esquerda para a direita(de quem vê,kk) Coral Alegria del Cuore de Crusaltense-RS junto com Coral Santa Luzia de Campinas do Sul-RS, na parte central Coral Colle dei Fiori de São Valentim-RS e a direita Coral Ricordi del Véneto de Três palmeiras-RS. Fonte: Italiani In Brasile

 


+ Mais Informações ››››››

Entrevista com Nair Zardo Presidente do CONDICAT falando a respeito da Eleição dos conselheiros Tutelares de Três Palmeiras

Na manhã desta Segunda-feira dia 28, estivemos em nossos estúdios a presidente do Condicat, Nair Zardo que esteve falando a respeito das eleições para conselheiros tutelares de três Palmeiras, e também falo a respeito dos locais das urnas, e quem pode votar.
Confira a entrevista em audio:




Texto: Isael Smieski
+ Mais Informações ››››››

Fenômeno da Superlua e Eclipse pode ser visto no RS

Observar a lua mais de perto e, na mesma noite, vê-la sumir momentaneamente. Este é o fenômeno que os brasileiros puderam presenciar neste domingo (27) à noite, durante a eclipse lunar total não apenas da lua, mas de uma superlua. O satélite natural do planeta em que habitamos esteve mais próximo de nós durante toda a noite, fazendo com que tenha um tamanho maior. 
Durante boa parte desse período, foi possível perceber a sombra da Terra impedindo a iluminação da lua.
Coincidência que só ocorre uma vez a cada 30 anos, a superlua e o eclipse lunar total foram vistos no céu de alguns países nesta noite. O eclipse pôde ser apreciado no Brasil porque a lua entrou na sombra da Terra quando já era noite no país. 
Já a superlua ocorre porque a órbita da lua, isto é, o caminho que a lua faz ao redor da Terra, não é circular. Com isso, o satélite se aproxima mais da Terra uma vez por ano, ocasionando o fenômeno.
O fenômeno também pode ser visto no Rio Grande do Sul. No município de Sarandi, o tempo estava nebuloso, porém não impediu a população de apreciar a linda ação da natureza.





Foto Marcello Casal Jr/Agência Brasil e Norte RS
Fonte: Agência Brasil - EBC
Postagem: Elisete Bohrer
+ Mais Informações ››››››

Brasil anuncia objetivo de reduzir em 43% emissões de gases estufa até 2030

Estas serão as metas que o País vai levar para a Conferência do Clima em Paris, a COP-21, em dezembro
A presidenta Dilma Rousseff anunciou, neste domingo (27), que o Brasil pretende reduzir em 37% as emissões de gases de efeito estufa até 2025. Para 2030, segundo a presidenta, a ambição é chegar a uma redução de 43%. Estas serão as metas que o País vai levar para a Conferência do Clima em Paris, a COP-21, em dezembro.
Os números foram aguardados durante meses e são considerados ambiciosos e ousados pelas comunidades científica e internacional.
Em seu discurso durante a sessão plenária da Conferência das Nações Unidas para a Agenda do Desenvolvimento Pós-2015, Dilma destacou que o Brasil é um dos países que têm uma meta clara sobre redução de emissões de gases de efeito estufa.
“O Brasil é um dos poucos países em desenvolvimento a assumir uma meta absoluta de redução de emissões. Temos uma das maiores populações e PIB do mundo e nossas metas são tão ou mais ambiciosas que aquelas dos países desenvolvidos”, afirmou.
Para alcançar as metas estabelecidas, a presidenta elencou as medidas a serem adotadas pelo Brasil até 2030: o fim do desmatamento ilegal no Brasil; a restauração e o reflorestamento de 12 milhões de hectares; a recuperação de 15 milhões de hectares de pastagens degradadas; e a integração de cinco milhões de hectares de lavoura-pecuária-florestas.
Na área de energia, a presidenta anunciou metas ambiciosas. O Brasil irá ampliar a presença de fontes renováveis na matriz energética brasileira, chegando a um m percentual de 45%. “Note-se que, no mundo, a média é de apenas 13% dessa participação e, na OCDE, de apenas 7%”, frisou Dilma.
A presidenta também assegurou a participação de 66% da fonte hídrica na geração de eletricidade e participação de 23% das fontes renováveis – eólica, solar e biomassa – na geração de energia elétrica. Outro compromisso assumido foi o aumento de cerca de 10% na eficiência elétrica e a participação de 16% de etanol carburante e de demais fontes derivadas da cana-de açúcar no total da matriz energética.
“O Brasil tem feito grande esforço para reduzir as emissões de gases de efeito estufa, sem comprometer nosso desenvolvimento econômico e nossa inclusão social. Para tanto, continuamos diversificando as fontes renováveis em nossa matriz energética, uma das mais limpas do mundo. Estamos investindo na agricultura de baixo carbono e reduzimos em 82% o desmatamento na Amazônia. Podem ficar certos que a ambição continuará a pautar nossas ações”, salientou Dilma Rousseff.
Fonte:Blog do Planalto
Postagem: Elisete Bohrer
+ Mais Informações ››››››

Alta do dólar deve gerar aumento de 10% a 20% no pão do RS

A volatilidade do câmbio, com elevação recorde do dólar, vai provocar aumento direto no preço do pão no Rio Grande do Sul. De acordo com o Sindicato das Indústrias de Panificação e Confeitaria e de Massas Alimentícias e Biscoitos no Estado, estima-se que o quilo do alimento sofrerá reajuste entre 10% e 20% nesta semana. O presidente do Sindipan-RS, Arildo Oliveira, destacou que grande parte do trigo utilizado é importado e as transações são feitas em dólar, o que deve encarecer o produto.
“No preço do pão, há uma influência direta, pois 60% do trigo que consumimos é importado. E na panificação é praticamente 100%. Nos próximos dias, o pão deve registrar um aumento de 10% a 20% para compensar a elevação no preço do trigo e outros reajustes, como energia e dissídio. Nós não temos como segurar o preço”, enfatizou.
Em Porto Alegre, o preço do quilo do pão varia entre R$ 7 e R$ 10, mas, de acordo com o Sindipan-RS, deve passar a custar entre R$ 8,50 e R$ 12. Apesar de o pão ser um dos produtos mais consumidos, de forma geral, os empresários do setor temem que haja uma ligeira queda na compra.
Fonte: Correio do Povo
Postagem: Elisete Bohrer
+ Mais Informações ››››››

Postagens que talvez você não viu!!!