sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

Previsão é de tempo bom neste sábado

A partir de domingo, calor aumenta no Rio Grande do Sul

A previsão para o sábado é de sol e calor no Rio Grande do Sul. Conforme a MetSul Meteorologia, amanhã, a máxima chega a 36ºC e há risco de pancadas de chuva e temporais isolados, entre a tarde e a noite. A partir de domingo, o aquecimento se intensifica. Na região metropolitana de Porto Alegre, as máximas em grande parte da semana que vem devem ficar próximas de 40ºC.
Fonte: Rádio Guaíba
Postado Por: Alcione Gondorek 
+ Mais Informações ››››››

Dores nas costas são a segunda maior causa de aposentadoria por invalidez

Conheça quatro dicas de exercícios para relaxar a coluna no trabalho

De acordo o Ministério da Previdência Social a dor na coluna é a principal causa de afastamento do trabalho, sendo responsável por quase 160 mil licenças anuais. Consequentemente, ela é a segunda maior causa de aposentadoria por invalidez, conforme aponta uma pesquisa realizada pela Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho (Fundacentro), órgão ligado ao Ministério do Trabalho.
- Além da predisposição genética, essas dores são decorrentes da sobrecarga na região lombar pela permanência muito tempo em pé ou sentada de forma errada, o que acarreta em lesões na coluna vertebral ou nos discos intervertebrais - descreve o Dr. Helder Montenegro, fisioterapeuta especialista em coluna vertebral, presidente da Associação Brasileira de Reabilitação de Coluna e diretor do Instituto de Tratamento da Coluna Vertebral.
O fisioterapeuta explica que outro fator responsável para o surgimento de dores persistentes nas costas no ambiente de trabalho é o sobrepeso.
- Como a parte superior do corpo é muito pesada e boa parte da população usa o tronco com um pouco de anterioridade (tronco projetado para frente), os músculos estabilizadores não têm a capacidade de manter a coluna por períodos prolongados nessa posição, ocorre então perda de força e de tônus muscular. Diante disso, a falta de força dos músculos dinâmicos (dos movimentos) e dos estáticos (posturais) contribui para o desgaste das articulações o que leva, em longo prazo, a uma calcificação das vértebras - explica o Dr. Montenegro.
Para prevenir o aparecimento de dores nas costas e relaxar a tensão na lombar, conheça alguns exercícios e alongamentos indicados pelo Dr. Helder que podem ser realizados em qualquer momento do dia. Veja abaixo:
Círculo com o ombro: sentada, coloque suas mãos sobre a mesa relaxe bem os braços, fique bem posturada na cadeira. Em seguida, realize movimentos de circulo com o ombro que ajudam a aliviar os pontos de tensão, responsáveis pela irradiação da dor para braços e coluna. Repita cinco círculos de cada lado.
Alongamento do pescoço 1: sentada, bem posturada, flexione a cabeça para frente e para baixo e mantenha por oito segundos (esse exercício não deve ser feito se a pessoa tem dores irradiadas para o braço) repita três vezes e volte para posição inicial, na sequência, vire olhando para a esquerda e para a direita fazendo uma pequena parada no final do movimento. O objetivo é alongar os músculos do pescoço e melhorar a circulação sanguínea na região. Faça os movimentos cinco vezes de cada lado.
Alongamento do pescoço 2: sentada, com o troco bem posicionado. A mão direita puxe a cabeça para o lado direito, inclinando ao máximo. Procure manter o ombro esquerdo para baixo durante o alongamento. Esse alongamento não deve provocar dores irradiadas para o braço.
Alongamento lombar: deitada de costas com os joelhos dobrados, abrace os joelhos com os dois braços e traga as coxas para se juntar ao tronco, nesse momento mantenha por 8 segundo. Repetir três vezes.
Mobilização lombar: deitado de costas com os joelhos dobrados e os pés apoiados no chão, em seguida, junte as coxas e pernas e realize movimentos para direita e esquerda sem tirar os pés do chão. Procure deixar os ombros e tronco em contato com o colchão
Fonte:Vida ZH
+ Mais Informações ››››››

Três Palmeiras-Tempo- Pedras e chuva forte


 Fotos:Elisete Bohrer


+ Mais Informações ››››››

JORNAL DA LIBERDADE EDIÇÃO DO DIA 31-01-14


Postado Por: Alcione Gondorek

+ Mais Informações ››››››

Frederico Westphalen - Incêndio atinge UFSM

Por volta das 10h20min dessa quarta-feira (29), um incêndio causou pânico em funcionários e estudantes do Campus da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), em Frederico Westphalen, norte do estado do Rio Grande do Sul.
Segundo informações, o fogo começou na estufa de secagem, equipamento de secagem de plantas em uma temperatura de 60°C. A estrutura se localiza no Laboratório de Análise de Solos e de Plantas, no bloco 3.
Os bombeiros chegaram a tempo de impedir do fogo tomar maiores proporções. As chamas destruíram o equipamento e as amostras dos acadêmicos de Agronomia. Acredita-se que o incêndio tenha acontecido por um superaquecimento ou curto circuito no equipamento.
Fonte: NorteRS

+ Mais Informações ››››››

Doenças respiratórias também podem surgir no verão

Uso mais frequente do ar condicionado e aumento do consumo de bebidas geladas podem contribuir para a incidência do problema

O verão de 2014 está entre um dos mais quentes dos últimos anos. Mas temperaturas elevadas não livram as pessoas das infecções respiratórias. A pneumonia, por exemplo, é muito comum também no verão. A necessidade dos cuidados de prevenção continua, principalmente entre os grupos mais suscetíveis: idosos e crianças menores de cinco anos.
O pneumologista e professor da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) José Roberto Jardim, explica que o ar condicionado, tão utilizado no verão, ajuda a proliferar bactérias e fungos e por isso exige manutenção e limpeza constantes.
— O uso do ar condicionado acaba trazendo mais infecções, além de ressecar as mucosas nasais, barreiras importantes para filtrar o ar inspirado — diz.
Para amenizar a baixa umidade do ar, a recomendação do especialista é beber muita água.
Cerca de 1,6 milhão de mortes — a maioria em idosos e crianças menores de cinco anos — são causadas no mundo a cada ano por uma única bactéria, o pneumococo (Streptococcus pneumoniae), segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS). A mesma bactéria pode ser a causadora de um grupo de infecções conhecidas como doenças pneumocócicas (DPs), sendo a pneumonia a mais comum.
Jardim também explica que o consumo de bebidas geladas pode diminuir a resistência pulmonar, principalmente em idosos ou pessoas com a saúde debilitada. Com a resistência mais baixa, o risco da pneumonia é maior.
— Alimentação adequada e atividade física são fundamentais para melhorar a resistência do organismo e, consequentemente, diminuir as infecções — diz o especialista.
Fonte:Bem Estar
Postado por:Claudinara Glienke
+ Mais Informações ››››››

Pessoas com reações lentas são mais propensas a morrer mais cedo, indica estudo

Segundo pesquisadores britânicos, falta de atenção é tão perigosa quanto o cigarro

Se você é um tanto demorado para tomar decisões não corre apenas o risco de ficar para trás, mas também de acabar morrendo mais cedo. Pelo menos é o que dizem pesquisadores da Universidade de Edimburgo. Segundo eles, a falta de atenção pode ser tão perigosa quanto o hábito de fumar. Acredita-se que a lentidão do cérebro pode ser um sinal de uma deterioração maior do corpo.
O estudo avaliou os dados de mais de cinco mil participantes, que realizaram testes do seu tempo de reação em 1990, quando tinham entre 20 e 59 anos. Aqueles que foram mais lentos se mostraram 25% mais propensos à morte nos 15 anos seguintes do que os que foram rápidos na média. Aqueles que foram lentos em algumas ocasiões e rápidos em outras também apresentaram risco de morte precoce.
O tempo de reação não foi relacionado a mortes por câncer, mas sim por ataque cardíaco ou derrame.
— Nossa pesquisa mostra que um simples teste de tempo de reação de pode prever a sobrevivência independente da idade, sexo, grupo étnico ou nível socioeconômico — afirmou o principal autor do estudo, Gareth Hagger-Johnson.
Segundo Hagger-Johnson, a velocidade com a qual o cérebro responde pode espelhar o estado geral do organismo. Isso significa que o tempo de reação lento pode ser sinal de outras doenças.
Fonte:Bem Estar
Postado por:Claudinara Glienke
+ Mais Informações ››››››

Trindade do Sul - Criança recém-nascida é encontrada morta

Nessa quinta-feira (30) uma criança recém-nascida foi encontrada morta em Trindade do Sul, norte do estado do Rio Grande do Sul.
Segundo informações, o corpo foi encontrado durante uma triagem do lixo no Consórcio Intermunicipal de Cooperação e Gestão Pública (Conigepu). O trabalho na Central está suspenso devido à perícia policial.
Fonte: NorteRS
+ Mais Informações ››››››

Três Passos - Adolescente desaparecida

Desde o dia 24 de janeiro a adolescente Elisandra Tais
Escadiel não dá notícias a família, a mesma reside em Três
Passos, norte do estado do Rio Grande do Sul.
Segundo informações, a jovem saiu dizendo que ia até a casa
de uma amiga, porém não citou o nome da mesma. No dia do
desaparecimento, Elisandra vestia uma calça jeans, blusa verde
e calçado marrom.
A família busca por informações. Qualquer notícia sobre o
paradeiro da jovem entrar em contato com o 190
Fonte: NorteRS
+ Mais Informações ››››››

Temporal destelha casas e deixa clientes sem luz em cidades do RS


Após mais um dia de forte calor na maior parte do Rio Grande do Sul, temporais causaram estragos no final da tarde desta quinta-feira (30) em municípios do Vale do Rio Pardo e do Vale do Taquari. A chuva veio acompanhada de vento forte e queda de granizo em algumas regiões. Pelo menos 65 mil pontos ficaram sem luz no estado, informaram as companhias.
Em Santa Cruz do Sul, no Vale do Rio Pardo, o temporal durou cerca de 30 minutos, mas causou estragos em vários bairros da cidade. Segundo o Corpo de Bombeiros do município, pelo menos seis casas foram destelhadas em diferentes pontos da cidade.
Árvores também caíram sobre quatro residências nos bairros Senai, Pedreira, Avenida e Schultz. Na Rua Guatambu, no bairro Monte Verde, quatro postes de energia elétrica foram derrubados pelas rajadas de vento, causando interrupção no abastecimento. Não há registro de feridos em nenhuma das ocorrências, informaram os bombeiros.
A linha de transmissão de energia entre Venâncio Aires e Estrela também foi danificada pelo temporal. Segundo a concessionária AES Sul, há cerca de 50 mil clientes sem luz na área de concessão da companhia, na região dos vales e na Região Metropolitana. Técnicos já estão trabalhando no local para restabelecer o serviço.
Em Lajeado, no Vale do Taquari, 12 casas foram destelhadas pelo vento, segundo o Corpo de Bombeiros do município. Árvores também foram derrubadas em vias públicas. Até o momento, não há registro de feridos.
Na Região Metropolitana de Porto Alegre, o temporal veio acompanhado de queda de granizo em alguns municípios, como Alvorada e Cachoeirinha. O vendaval deixou cerca de 15 mil clientes sem luz na capital, informou a Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE).
As interrupções ocorrem nos bairros São Geraldo, Jardim Carvalho, Agronomia e arredores. Equipes da companhia trabalham nos consertos da rede danificada. Não há previsão para o retorno da luz.
+ Mais Informações ››››››

Sexta será quinto dia com marcas de 40°C no RS

Calor seguirá intenso no fim de semana, com pancadas de chuva ocasionais

A sexta-feira repete a tendência e será o quinto dia seguido com marcas ao redor de 40ºC no Rio Grande do Sul. O sol aparece com nuvens em quase todo o Estado, mas no Sul e parte do Oeste haverá maior cobertura de nebulosidade com chance alta de chuva, inclusive no começo do dia em alguns pontos.

Nas demais áreas do RS, a instabilidade será localizada da tarde para a noite. Com o ar muito quente sobre o Estado, fica favorecida a formação de nuvens carregadas que trazem chuva forte e temporais em pontos isolados.

As mínimas seguem altas, com 16°C em São José dos Ausentes e 17°C em Vacaria. As máximas, por sua vez, atingem e podem superar os 37°C em Santa Rosa. Em Porto Alegre, os termômetros variam entre 23°C e 37°C.
O Rio Grande do Sul teve nesta quinta o quarto dia seguido com máximas ao redor de 40ºC. Fez 39,6ºC na zona Norte de Porto Alegre. Já no Vale do Sinos, as máximas atingiram 39,0ºC em São Leopoldo e 38,7ºC em Campo Bom. Houve a formação de nuvens muito carregadas à tarde com temporais.

Quaraí teve vento de 89 km/h. Alegrete, de 70 km/h. Vendavais causaram queda de postes, árvores e destelhamentos nos Vales do Caí e Rio Pardo. Queda de eucalipto chegou a bloquear a BR 290 em Pantano Grande. Porto Alegre teve temporal no fim da tarde com chuva forte localizada, rajadas de vento (72 km/h no Aeroporto) e granizo na zona Norte que atingiu ainda Cachoeirinha.

Com a manutenção do calorão no fim de semana, segue o risco de temporais isolados no Estado, alguns até fortes. O calor aumenta muito no domingo e a próxima semana vai ser tórrida.

Fonte: Metsul
+ Mais Informações ››››››

Postagens que talvez você não viu!!!