quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

BOAS E MÁS NOTÍCIAS SOBRE O COMBATE AO HIV NO DICAS DE SAÚDE

O programa Dicas de Saúde apresentado pela Biomédica Suéle Rotta do Laboratório Bioanálise, vai ao ar todas as quartas-feiras às 15:10 mint. 
A  Dica de Saúde do dia 03 de dezembro  de 2014, foi sobre o Combate ao HIV, confira em áudio o programa:












Por:Elisete Bohrer
+ Mais Informações ››››››

Bolo de Limão













Ingredientes:
Massa:
2 Ovos (claras em neve)
1 e 1/2 xícara de açúcar
3 Colheres (sopa) margarina
Suco de 1 limão
Raspas de limão
3 e 1/2 xícaras de farinha de trigo
1 Xícara de leite
2 Colheres (sopa) fermento em pó
Cobertura:
2/3 Lata de leite condensado
Raspas de 1 Limão
Suco de 1/2 limão
Modo de Preparo:
Massa:
Bater no liquidificador as gemas, o açúcar e margarina
Em seguida juntar o suco e raspas do limão, o leite e a farinha aos poucos
Por último misturar as claras em neve e o fermento
Espalhar a massa em uma assadeira retangular média já untada e assar no forno preaquecido por 40 minutos a 250º.
Cobertura:
Em uma panela junte o leite condensado, o suco do limão e as raspas. Mexa até levantar fervura. Quando esfriar formara um creme.
Montagem:
Após retirar o bolo do forno, aguarde ele esfriar totalmente para acrescentar a cobertura. Você pode decorar com raspas de limão e açúcar de confeiteiro.
Fonte:Hora do Almoço

+ Mais Informações ››››››

Presas 16 pessoas em 7ª fase da Leite Compen$ado no RS

Fraude consistia na adição de água e sal ao alimento em seis municípios gaúchos
Dezesseis pessoas foram presas durante a 7ª fase da operação Leite Compen$ado deflagrada na manhã desta quarta feira no Norte do Estado. Foram cumpridos 16 mandados de prisão e outros 17 de busca e apreensão em Erechim, Gaurama, Jacutinga, Machadinho, Maxilimiliano de Almeida e Viadutos. Uma pessoa é considerada foragida pela Justiça. O nome dos presos, no entanto, não foi divulgado pelo Ministério Público (MP).
Os 16 detidos responderão por associação criminosa e adulteração de produtos alimentícios. Todos serão encaminhados para o Presídio Estadual de Erechim. Na semana que vem, o MP vai retornar a cidade para fazer as oitivas dos presos. Ficou definido que a base de recebimento de leite da Cotrel passará por um regime especial de fiscalização sem prazo para reabrir. E a base de Jacutinga, foi interditada depois da ação desta quarta.
A fraude consistia na adição de água e sal ao leite por alguns produtores dos municípios de Machadinho, Maximiliano de Almeida e Viadutos. De acordo com a coordenação da operação, há 62 laudos do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) constatando adulteração, entre outras irregularidades. Segundo a promotoria de Justiça do MP, depois de adulterado, o leite era entregue em dois postos de resfriamento em Erechim e Jacutinga. Conforme as investigações, os suspeitos de adulteração, tanto produtores quanto motoristas, adicionavam sal ao leite com água para ampliar o ponto de congelamento do líquido e mascarar a fraude.
As empresas destinatárias que receberam o leite terão que prestar contas sobre o que foi feito com o leite adulterado. Segundo o MP, o leite era entregue em dois postos de resfriamento: Rempel & Coghetto Ltda, em Jacutinga, e Cotrel (Cooperativa Tritícola Erechim Ltda), em Erechim.
A ação foi coordenada pelas promotorias de Justiça Especializada Criminal e de Defesa do Consumidor do Ministério do Público gaúcho, com o apoio da Brigada Militar (BM), Receita Estadual, Mapa e Ministério Público (MP) de Santa Catarina.
Destino dos leites da Cotrel
• DPA – Nestlé , em Palmeiras das Missões, Rio Grande do Sul;
• Cootal, Taquara, no Rio Grande do Sul;
• Aurora, em Pinhalzinho, em Santa Catarina;
• Kerlac, Rio Fortuna, em Santa Catarina;
• Laticinios ME, em Coronel Vivida, no Paraná
• Laticínio IPÊ.
Destino dos leites da Rempel & Coghetto Ltda
• BRF, de Teutônia, no Rio Grande do Sul
Fonte:José Ody
Postado por:Elisete Bohrer

+ Mais Informações ››››››

Informativo da Prefeitura Municipal de Três Palmeiras edição do dia 03 de dezembro de 2014


Postado por:Elisete Bohrer
+ Mais Informações ››››››

Programa Passos na Fé edição do dia 03 de dezembro de 2014

Programa Passos na Fé,apresentado pela Pastora Daniela, da Comunidade Evangélica de Confissão Luterana da Vila Progresso, filiada á Paróquia Evangélica de Confissão Luterana de Xingu – IECL

Postado por:Elisete Bohrer
+ Mais Informações ››››››

Jornal da Liberdade Edição 1179 do Dia 03 de dezembro de 2014

Destaque desta edição.
Mega-Sena pode pagar R$ 3 milhões nesta quarta-feira
Custo da primeira CNH para dirigir automóveis não sofre alteração no RS
Presidente sanciona lei que amplia vigilância contra maus-tratos a crianças
Massa de ar frio diminui a temperatura nesta quarta-feira no Estado
Prazo para justificar ausência no 1o turno das eleições deste ano termina amanhã
Aprovado aumento de 16% do salário mínimo regional



Apresentado Por: Alcione Gondorek 
+ Mais Informações ››››››

Programa Esportes Em Destaque Edição do Dia 03 de dezembro de 2014

Apresentado Por: Olcinei  Echer



Postado Por: Alcione Gondorek
+ Mais Informações ››››››

Lei Antifumo entra em vigor em todo o país

A partir de hoje (3), passa a valer em todo o país a chamada Lei Antifumo que proíbe, entre outras coisas, fumar em ambientes fechados públicos e privados. A estimativa é que as novas regras influenciem os hábitos de 11% da população brasileira, composta por fumantes.
Aprovada em 2011, mas regulamentada em 2014, a Lei 12.546 proíbe o ato de fumar cigarrilhas, charutos, cachimbos, narguilés e outros produtos em locais de uso coletivo, públicos ou privados, como halls e corredores de condomínios, restaurantes e clubes – mesmo que o ambiente esteja parcialmente fechado por uma parede, divisória, teto ou toldo.
Em caso de desrespeito à norma, os estabelecimentos comerciais podem ser multados e até perder a licença de funcionamento.
Entre os frequentadores de bares e restaurantes, a lei não é unanimidade. A estudante Fábia Oliveira, 18 anos, disse ser a favor de leis mais rigorosas contra quem fuma em ambientes fechados. “É um desrespeito com quem não gosta de cigarro. A pessoa que fuma prejudica todos que estão à sua volta. Você acaba se prejudicando, contra a sua vontade, pela escolha dos outros. Ninguém é obrigado a sentir o cheiro de cigarro”, acrescentou.
O supervisor Diego Passos, 31 anos, é contra a lei e acredita que a norma não surtirá efeito. “Quem
fuma dentro de um bar, por exemplo, vai continuar fumando. Não poderei ir a uma boate, a um bar porque fumo? Nenhuma lei é capaz de fazer uma pessoa parar de fumar. Além do mais, não há fiscalização”, disse.
A norma que entra em vigor hoje extingue os fumódromos e acaba com a possibilidade de propaganda comercial de cigarros, mesmo nos pontos de venda, onde era permitida publicidade em displays. Fica liberada apenas a exposição dos produtos, acompanhada por mensagens sobre os males provocados pelo fumo.
Além disso, os fabricantes terão que aumentar no próprio produto os espaços para avisos sobre os danos causados pelo tabaco. Pela nova regra, a mensagem deverá ocupar 100% da face posterior das embalagens e de uma de suas laterais.
Será permitido fumar em casa, em áreas ao ar livre, parques, praças, áreas abertas de estádios de futebol, vias públicas e tabacarias, que devem ser voltadas especificamente para esse fim. Entre as exceções estão também cultos religiosos, onde os fiéis poderão fumar caso faça parte do ritual.
Para o presidente da regional de São Paulo da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), Percival Maricato, o dia a dia de bares e restaurantes deve mudar pouco, uma vez que a lei já vem sendo cumprida pela maior parte dos estabelecimentos mesmo antes da regulamentação.
“A meu ver, não vai mudar coisa alguma. Já estava proibido fumar em locais fechados. Mas achamos que a lei é um tanto leonina. Há excessos visíveis. O infeliz do fumante é tratado como um leproso na idade média”, disse.
Para Marciato, as novas normas representam uma espécie de regulação que vem sendo imposta ao setor. “Daqui a pouco, bares e restaurantes vão parecer uma repartição pública, com cartazes e dizeres. E estamos falando de um local onde as pessoas vão para descontrair. Há cada vez mais intervenção do Estado, dizendo o que o indivíduo pode ou não pode fazer e limitando a liberdade.” Ele lembrou que a fiscalização nos bares e restaurantes ficará a cargo dos Procons regionais.
Fonte:Paula Laboissière e Aline Leal - Repórteres da Agência Brasil
Postado por:Elisete Bohrer
+ Mais Informações ››››››

Política pública de apoio à cadeia produtiva do bambu é aprovada na Assembleia

A Assembleia Legislativa aprovou por unanimidade, na tarde desta terça-feira (2), o projeto 290/2013 de autoria da deputada Marisa Formolo (PT), que dispõe sobre a Política Estadual de Apoio ao Bambu. O projeto aprovado por 42 votos favoráveis e nenhum contrário, prevê a assistência técnica e extensão rural e a capacitação, crédito e incentivos, apoio à pesquisa científica e o desenvolvimento tecnológico à comercialização, à industrialização e à certificação de origem e qualidade dos produtos.
O objetivo da proposta é estabelecer uma política de incentivo à cadeia produtiva do bambu através de ações governamentais e de empreendimentos privados. Na defesa do projeto, a deputada observou que o bambu é uma planta de características especiais que pode contribuir como fonte de matéria-prima renovável aplicável em diversas áreas da economia como produção de brotos para alimentação, caules para uso pelo setor moveleiro, madeireiro, construção civil, artesanato, plantas para uso paisagístico, dentre outras possibilidades que podem ser criadas com o desenvolvimento de pesquisas. “A ideia é incentivar o desenvolvimento da cadeia produtiva do bambu e assim gerar produção rural, incrementar a indústria de transformação e criar uma nova matriz produtiva com geração de emprego e renda”, justificou a deputada Marisa.
A produtividade e a versatilidade de utilização, com manejo relativamente fácil, comparado a outros cultivos, foram outras características destacadas pela parlamentar. “O bambu coloca-se como fonte de diversificação produtiva à geração de trabalho e renda, tanto para meio rural como para urbano. E ainda pode integrá-los em uma cadeia produtiva que vai da atividade agrícola ao uso industrial e artesanal, da colher ao piso e ao telhado, passando pelo desenvolvimento de móveis de alta qualidade e design avançado com potencial de gerar benefícios sociais e econômicos para muitas regiões”, sustentou.
Somando-se aos usos já citados, o bambu pode desempenhar grande importância ambiental, pois pode contribuir para evitar o desmatamento e sequestrar carbono. “A partir da aprovação do projeto, o RS terá uma política pública direcionada à produção e utilização do bambu, que como se percebe, pode beneficiar milhares de pessoas e suas regiões e ainda contribuir para a recuperação de áreas degradadas”.
Claiton Stumpf
MTb 9747
(51) 9643.3722
(54) 9627.1433
+ Mais Informações ››››››

Jornal dos Trabalhadores - Rio Grande do Sul - Edição 626 do dia 03 de dezembro de 2014

Ouça nesta edição:
Encontro das Rádios Comunitárias acontece neste final de semana;
Caco Rocha , da Rádio Verde traz um relatório do Encontro Nacional de Catadores;
Produção Industrial se mantém estável;
Assembléia Legislativa do Rio Grande do Sul aprova aumento de 16% no mínimo regional.

+ Mais Informações ››››››

Postagens que talvez você não viu!!!