sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Arroz Para Churrasco


Ingredientes
200 gramas de bacon em cubos
3 gomos de linguiça toscana fresca sem pele
1/2 gomo de linguiça calabresa em cubos
2 xícaras de arroz cozido
1 cebola média picada
3 dentes de alho picados
2 ovos
1 sazon vermelho
Coentro e Cebolinha a gosto
Modo de preparo
Numa panela, frite os cubos de bacon em fogo médio, mexendo sempre até ficarem dourados e crocantes
Doure as linguiças na gordura formada pelo bacon
Acrescente o alho e frite até dourar
Frite os ovos
Junte o sazon
Adicione o arroz e, em seguida
Acerte o sal e a pimenta-do-reino
Desligue o fogo e misture o coentro e a cebolinha


+ Mais Informações ››››››

Programa da Crehnor edição do dia 05 de setembro de 2014


Fonte:Jorge André Rogerio
Postado por:Elisete Bohrer
+ Mais Informações ››››››

Jornal da Liberdade Edição 1121 do Dia 05 de setembro de 2014

Destaque desta edição.
 Asteróide passa de raspão pela Terra neste domingo
Viagem Segura de Independência começa nesta sexta-feira
Chega a 11 o número de vítimas de gripe A este ano no RS
RS terá muitas nuvens e grande chance de chuva nesta sexta-feira
Veículos do Mercosul podem ter placas unificadas até 2018
Lotofácil da Independência vai pagar R$ 80 milhões neste domingo.



Apresentado Por: Alcione Gondorek 
+ Mais Informações ››››››

Cancelada a 7º Campereada

Em virtude das condições do tempo, foi cancelada a 7º  Campereada e outras atividades , que aconteceria neste final de semana em Três Palmeiras, para uma nova data a ser marcada.
Por:Elisete Bohrer
+ Mais Informações ››››››

Programa Falando em Saúde Edição do Dia 05 de setembro de 2014

Apresentado Pela . doutora Casieli Rode  




Fotos:Elisete Bohrer

Postado Por: Alcione Gondorek
+ Mais Informações ››››››

Ponte de Iraí: Nova vistoria é realizada

Dois técnicos do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), de Brasília, se deslocaram à região na manhã desta quinta-feira, 4. Segundo o engenheiro responsável da equipe Sogel – empresa de Porto Alegre contratada para realizar os reparos –, Wenceslau Adolpho, não foi constatado nada de diferente do que já havia sido analisado. “Por isso, a interdição total deve seguir pelos próximos 20 dias”, afirmou.
Mergulhadores devem chegar neste sábado, 6, e permanecer junto à equipe que trabalha no conserto da estrutura durante a próxima semana, para solucionar o problema no tubulão da ponte.
Daiane Binello/AU
Postado por:Elisete Bohrer
+ Mais Informações ››››››

RS terá quatro novos cursos de Medicina

São Leopoldo, Novo Hamburgo, Ijuí e Erechim foram autorizadas pelo MEC a criar os cursos
O Ministério da Educação (MEC) anunciou nesta quinta-feira a criação de 39 novos cursos de Medicina em todo o País. No Rio Grande do Sul, foram contempladas as cidades de São Leopoldo, Novo Hamburgo, Ijuí e Erechim. Uma comissão de especialistas do MEC analisou os projetos de melhoria e o conjunto da estrutura de equipamentos públicos e programas de saúde existentes no município, para definir a relação.
Os municípios estão distribuídos por 11 estados de quatro regiões e que têm como perfil população com pelo menos 70 mil habitantes e que ainda não tinham o curso de medicina. O processo de seleção e avaliação começou em 2013, com 205 municípios interessados. Desse total, 154 encaminharam a documentação solicitada e 49 foram pré-selecionados. Além dos 39 que preencheram os requisitos, outros sete municípios têm prazo de seis meses para se adequarem e três já abriram o curso.
“O que estamos fazendo é invertendo o processo. Até há pouco tempo, os cursos de medicina eram demandados no MEC pelas instituições de ensino, agora nós primeiro definimos quais as regiões que devem receber esses cursos, e os municípios têm que fazer um esforço preparando sua rede de saúde para atender à prática, que é fundamental na formação”, explicou o ministro da Educação, Henrique Paim.
A segunda etapa do processo, que será lançado ainda em setembro, envolve a chamada pública para as instituições privadas de ensino interessadas. “São instituições que precisam ter tradição na área de saúde, que tenham relacionamento com a estrutura da região e com curso e corpo docente adequados às diretrizes da medicina", explicou. Segundo ele, ainda este ano será divulgada a seleção de instituições e autorizada a abertura das vagas, mas prevê que o processo dure até 2017, porque as instituições terão que fazer os investimentos.
A abertura dos cursos está dentro da meta do MEC e do Ministério da Saúde de criar 11,5 mil vagas de graduação e 12,4 mil de residência médica até 2017, no âmbito do Programa Mais Médicos. Até agora, 4.199 vagas foram abertas na graduação. Em relação à residência, 2.822 vagas foram criadas, a maioria em especialidades prioritárias como cirurgia geral, clínica médica, ginecologia e obstetrícia, medicina da família, pediatria e psiquiatria.
Fonte: Agência Brasil
Postado por:Elisete Bohrer
+ Mais Informações ››››››

Uma em cada 10 meninas no mundo sofre abusos sexuais

Relatório da ONU apontou que um quinto dos assassinatos são de crianças ou adolescentes Cerca de 120 milhões de meninas no mundo, quase uma em cada dez, foi estuprada ou vítima de abusos sexuais antes de completar 20 anos, revelou um novo estudo da ONU, que também estabelece que o homicídio é a principal causa
de morte de jovens da América Latina.
A agência de defesa dos direitos da infância da ONU, Unicef, afirmou em um estudo sobre violência contra as crianças ao redor do mundo que um quinto do total de vítimas de assassinatos são crianças ou adolescentes menores de 20 anos.Em países latino-americanos como Venezuela, Colômbia, Panamá ou Brasil, a principal causa de morte de jovens de 10 a 19 anos é o homicídio, indica o relatório, intitulado "Ocultos em plena luz".
Este é o maior estudo realizado até agora sobre violência contra menores, e inclui dados de 190 países, segundo a agência. "Estes são fatos incômodos que nenhum governo ou pai quer ver", disse o diretor-executivo da Unicef, Anthony Lake. "Mas a não ser que enfrentemos a realidade que cada estatística irritante representa (...) nunca mudaremos a mentalidade de que a violência contra as crianças é normal e permitida. Não é nenhuma das duas coisas", afirmou.
Outros abusos registrados são a perseguição, que regularmente afeta mais de uma em cada três crianças escolarizadas de entre 13 e 15 anos de todo o mundo. No que se refere à violência para impor a disciplina, o estudo descobriu que cerca de 17% dos jovens de 58 países eram alvos de duras formas de castigo físico, entre elas tapas na cabeça, na orelha ou no rosto, ou espancamentos constantes.
O relatório da ONU também aborda a mentalidade através da qual tal violência é perpetuada e justificada. A Unicef recomenda seis estratégias para evitar a violência contra as crianças, como "apoiar os pais e fornecer às crianças habilidades para a vida; mudar atitudes; reforçar os sistemas e serviços judiciais, criminais e sociais; e gerar exemplos e consciência sobre a violência e seus custos humanos e sócio-econômicos, com o objetivo de mudar atitudes e normas".
Fonte: AFP
Postado por:Elisete Bohrer
+ Mais Informações ››››››

7º Campereada Escolar

Neste  próximo sábado, dia 06 de setembro de 2014,  às 9h acontecerá, na praça Municipal 12 de Maio, uma caminhada Cívica e apresentações das Escolas Municipais e Estaduais do Município, entre outras atividades, em comemoração a Independência do Brasil , após  acontece, a 7º Campereada Escolar, promovido pelo  Galpão Crioulo Recanto Nativo da Escola Estadual de Ensino Médio José Antônio Ferronato, o evento será nas dependência da Escola.
Confira a programação:
- Acolhimento á chama crioula, às 11 horas
- Solenidade de Inauguração do novo Galpão Crioulo Recanto Nativo
- Homenagem Póstuma á Professora Salete Baraldi
- Ás 12 horas, almoço Campeiro, no cardápio,  arroz a carreteiro, pão e saladas.
- Gincana Integração Gaudéria, com início às 13:30h  
- Apresentações artísticas

 “Ser Gaúcho é o compromisso de manter acesa a chama de nossas tradições.”
Foto e texto:Elisete Bohrer


+ Mais Informações ››››››

PIB do Rio Grande do Sul mantém-se em crescimento no semestre

O Produto Interno Bruto (PIB) do Rio Grande do Sul mantém-se em crescimento em 2014, com evolução de 0,1% no primeiro semestre. Com o desempenho positivo de 3,4% nos primeiros três meses deste ano, mesmo com o recuo de 0,4% entre abril e junho, o resultado final é positivo. No período acumulado de um ano, relativo aos últimos quatro trimestres, o crescimento do Estado é ainda superior: 1,9%, maior do que o índice do país, que está em 1,4%. Os números foram divulgados na manhã desta quinta-feira (4), pela Fundação de Economia e Estatística - FEE.  
Colaboraram para o resultado do semestre, os setores de serviços (+1,5%), comércio (+1,0%), transportes (+2,8%), aluguéis (+3,1%), administração pública (+2,5%) e demais serviços (+0,1%). Na indústria, exceto a área da transformação (-3,1%) e construção civil (-4,6%), os demais segmentos apresentaram expansão de 7,3%, conforme o levantamento da FEE.
O presidente da FEE, Adalmir Marquetti, destaca que é importante considerar o desempenho robusto do PIB do Estado em 2013, de 6,3%. "Tivemos um ano de crescimento excepcional, portanto manter um resultado positivo, com esta base de comparação, é muito importante", ressalta Marquetti. O economista Martinho Lazzari, que apresentou os números, explica que no segundo trimestre deste ano houve o chamado efeito Copa do Mundo: a economia desacelerou praticamente um mês devido aos jogos e às conseqüentes paralisações da produção. No setor automotivo, por exemplo, junho sempre concentrou um terço da produção do trimestre, e neste ano teve redução de 70%. Lazzari enfatizou que os dados do setor agrícola puxarão a economia gaúcha para um resultado final positivo. O presidente da FEE lembrou ainda a retração na economia da Argentina, que diminuiu expressivamente as exportações do RS.
No balanço dos resultados, o secretário do Planejamento, Gestão e Participação Cidadã, João Motta, enfatizou a estratégia de desenvolvimento econômico e social do Governo do Estado. "Os resultados que alcançamos, diante de toda a adversidade, comprovam o acerto da política de desenvolvimento", disse. Na análise dos últimos três anos e meio, a economia do RS cresceu 10,3% e a do Brasil, no mesmo período, 6,6%, lembrou Motta. "O Estado cresceu, na média, 1% acima do Brasil, mesmo com quebra de safra", acrescentou o presidente da FEE, Adalmir Marquetti.
Texto: Heron Vidal
Aline Heberlê
Central do Interior
Diretoria de Jornalismo/SECOM
51 - 3213 0728
+ Mais Informações ››››››

Jornal dos Trabalhadores - Rio Grande do Sul - Edição 563 do dia 05 de setembro de 2014

Ouça nesta edição:
Fepagro apresenta duas novas cultivares de feijão de alta produtividade;
Região Sul será líder no Brasil em produção de leite a partir de 2015;
Viagem Segura de Independência começa nesta sexta-feira;
Inaugurado no RS primeiro posto solar para veículos elétricos.
+ Mais Informações ››››››

Postagens que talvez você não viu!!!