segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

REALIZADO O ENCERRAMENTO DAS ATIVIDADES DO PIM



 Na tarde desta segunda feira dia 02 de dezembro aconteceu o encontro de encerramento das atividades do PIM, do ano de 2013, foram muitas as atividades durante esse ano  que estamos encerrando, o evento de hoje aconteceu no Salão Paroquial de Três Palmeiras e contou com um grande número de crianças. Logo na abertura o Padre Ivair deu a benção em seguida o vice prefeito Magal deixou a sua mensagem para os presentes, agora as atividades do PIM voltam em 2014. Logo mais estaremos postando as fotos do evento de hoje.


Reportagem: Alcione Gondorek
+ Mais Informações ››››››

Tempo seco predomina nesta terça

Na quinta, frente fria cruza o Estado e pode provocar temporais

O ar seco predomina no Rio Grande do Sul nesta terça-feira. Conforme a MetSul Meteorologia, a temperatura sobe amanhã à tarde e ultrapassa 30ºC na metade Oeste do Estado. Na quarta-feira, o tempo segue ensolarado e com grande variação térmica. Na quinta-feira, nova frente fria cruza o Estado e pode provocar temporais.
Fonte: Rádio Guaíba
Postado Por: Alcione Gondorek 
+ Mais Informações ››››››

Barra Funda - Finais do FEICAB foi um grande sucesso

Por mais uma vez o município de Barra Funda foi destaque regional, no que tange ações ligadas a cultura e as várias ramificações artísticas que o governo municipal desenvolve, através do Secretaria Municipal de Educação, pasta sob o comando de secretária Elaine Gerevini Boni, com o apoio do professor e coordenador do Grupo Artístico Municipal, Juliano Oliveira.
Como já publicado pelo DiárioRS, ocorreu nos dias 28, 29 e 30 de novembro, o 1° Festival da Canção de Barra Funda – FEMUCAB-, e o 1° Festival Interestadual da Canção de Barra Funda- FEICAB-, promovidos pela Administração Municipal tem como objetivo promover o intercâmbio músico-cultural da região; promover e desenvolver a cultura e oferecer à população a oportunidade de prestigiar a arte e a cultura expressa através da música.
O FEMUCAB foi realizado no dia 27 de novembro no Ginásio Municipal de Esportes. Nas categorias até 11 anos e de 12 a 16 anos, onde participaram somente estudantes da rede de ensino do município, o festival distribuirá R$ 750,00 em prêmios aos participantes.
Já o FEICAB aconteceu nos dias 29 e 30 de novembro também no Ginásio Municipal de Esportes. Serão distribuídos mais de 13 mil reais em prêmios nas categorias Popular e Sertaneja. Em cada categoria haverá R$ 6.400,00 divididos em sete premiações e troféus. 
Já no sábado aconteceu as finais de ambas as categorias, popular e sertaneja. Todos os cantores, independente do estilo, deram um show a parte e certamente elevaram a qualidade desse grande festival. Sete jurados foram incumbidos da difícil tarefa de avaliar os cantores que tiveram a maior e a menor nota excluída da soma, para assim chegar a soma final dos pontos. Aliás, a pontuação era feita ao vivo em um telão para que todos os presentes pudessem acompanhar.
A premiação também foi um grande atrativo do festival onde todos os finalistas ganharam um cachê, sendo o 1º lugar R$1.700.00 seguindo em forma decrescente até o 7º colocado que ganhou R$300,00.
Confira a classificação final:
CATEGORIA POPULAR
1º - Marcos Medeiros de Quilombo, SC, 48 pontos, cantou Cavalgada de Roberto Carlos;
2 º - Edebilson Alves da cidade de Cruz Machado, 47.6 pontos, cantou Granada de Agnaldo Rayol;
3º - Dinis Leal de São Luiz Gonzaga, 47,5 pontos, cantou O amor é tudo de Agnaldo Rayol;
4º - Stela Yoekkner de Vitor Graef 47,4 pontos, cantou América de Jessé;
5º - Andreia Teixeira de Ibiruba, 44,7 pontos, cantou Eu vou seguir de Marina Elali;
6º - Adriane Conrad de Palmeira das Missões, 45,9 pontos, cantou Sangrando de Rick Valley;
7º - Caroline Nascimento de Ibiruba, 44 pontos, cantou O bêbado e o equilibrista de Elis Regina.
CATEGORIA SERTANEJA
1º - Juarez e Luiz de Lindoia do Sul, 47,7 pontos, cantaram Um século sem ti de Mato Grosso e Mathias;
2º - Greicy Muller e Caroline Koorst de Três de Maio, 47,4 pontos, cantaram Pecado de amor de Fátima Leão;
3º - Régis e Renan de Santa Rosa, 47 pontos, cantaram Pele macia e Saudade de Yan e Yago;
4º Graciela e Dieison de Sarandi e São Luiz Gonzaga, 46,5 pontos, cantaram Quando partir de Alan e Aladim;
5º - Neusa, Valdemar e João Luiz, de Sarandi, 46.5 pontos, cantaram Pra desbotar a saudade de Zezé di Camargo e Luciano;
6º - Débora Graciela e Ana Paula de Ronda Alta, 45,1 pontos, cantaram Noite de tortura de Cristian e Ralf;
7º - Leno e Lelo - Novo Barreiro e Barra Funda, 45 pontos, cantaram Mulher sensual de Rony e Robson.
A premiação da noite foi entregue pelo prefeito Alexandre Elias Nicola, vice Ivonei Zanetti, secretária de educação Elaine Gerevini Boni, Juliano Oliveira e os jurados que compareceram durante os dois dias do evento.

Confira as fotos:










































 

 Texto/Fotos -Joel de Brito DiárioRS
Postado por:Elisete Bohrer

+ Mais Informações ››››››

Alimentação, atividade física e controle do peso são fundamentais para prevenir o câncer

Brasil deve ter 576 mil novos casos da doença no próximo ano

Somente em 2014, o Brasil deve ter 576 mil novos casos de câncer, de acordo com estimativa apresentada pelo Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA) e pelo Ministério da Saúde nesta semana. Segundo especialistas na área, a fórmula ideal para combater o aparecimento dessa temida doença é baseada em três receitas: alimentação saudável, prática de atividade física e controle de peso.

— Isso é uma questão de estilo de vida. Precisamos praticar mais atividades físicas, usar menos o carro, caminhar mais, pegar mais sol, ter uma alimentação com alimentos naturais, como frutas e verduras e menos comidas industrializadas entre outros fatores — reflete o médico do Centro de Prevenção do Câncer da Clinionco, Rafael Castilho.

Segundo ele, o envelhecimento de um maior número de pessoas ao longo dos anos deve aumentar a incidência de câncer, principalmente de mama, próstata e intestino, por isso, a atenção deve começar desde muito cedo, na própria infância.

— O foco está nos hábitos dos pais, que vão ser passados ou aprendidos pelas crianças. Se tivermos pais que comem mal, são sedentários ou obesos, isso possivelmente vai refletir nos hábitos de vida das crianças. Outro fator é o tabagismo: é muito comum adolescentes começarem a fumar usando como exemplo, os pais — comenta.

O tabaco é um dos fatores de risco mais predominantes para incidência do câncer. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), 75% dos fumantes começam a fumar antes dos 18 anos.

Sedentarismo é um alerta

O sedentarismo já é considerado entre alguns pesquisadores como pandemia mundial: a inatividade física é o quarto maior fator de risco para doenças crônicas. E o problema está atingindo cada vez mais os jovens. Segundo o IBGE, apenas três em cada dez adolescentes brasileiros são considerados ativos, ou seja, que praticam 300 minutos ou mais de exercício por semana.
— A questão do sedentarismo é muito importante em expectativa de vida para qualquer tipo de doença, não só o câncer, mas para doença cardiovascular ou mesmo para doenças neurológicas. E a atividade física leve na terceira idade é uma das coisas que têm mais impacto na qualidade de vida do indivíduo. Nunca é tarde para mudar — lembra o médico.

Mantenha em dia os exames preventivos

Além da vida saudável, existem alguns exames que podem auxiliar na prevenção e na detecção de lesões pré-malignas. O médico Rafael Castilho explica alguns:
Cólon do útero: não é um câncer tão comum porque a prevenção já se estabeleceu há muito tempo, reduzindo em até 70% os índices com os exames preventivos de HPV, doença que provoca esse tipo.
Intestino: colonoscopia é um exame que detecta lesões pré-malignas. Os países que fazem campanhas de prevenção conseguem até 60% de redução dos casos de câncer de intestino.
Mama e próstata: não existem exames de prevenção e sim, de detecção precoce, como a mamografia e o exame de toque. Não conseguimos achar as lesões antes dos tumores, mas quando encontramos cedo o indício das neoplasias, isso tem um impacto muito grande no tratamento da doença.
Pele: as pessoas de pele mais clara ou mais exposta ao sol, devem fazer o exame com o dermatologista como a dermatoscopia digital, que ajuda na detecção e na prevenção de lesões.
Fígado: se diminuirmos os índices de hepatite B e C e aumentarmos o uso da camisinha, vamos diminuir o risco de câncer desse órgão, que é um tipo de tumor de diagnóstico precoce difícil.
Pulmão: para fumantes, consultas preventivas a partir dos 40 anos, mas o que há mais impacto na prevenção é, claro, parar de fumar.

Conheça as características dos principais fatores de risco que podemos prevenir:

Alimentação: em algumas literaturas, estima-se que, entre as causas que envolvem o surgimento de neoplasias, 20% delas podem ser explicadas através da alimentação

Obesidade: presente em 15% da população brasileira, ela pode estar relacionada a 26 doenças. Estudos indicam que os tumores do sistema digestivo, de mama, cólon e de próstata, estão relacionados à dieta do excesso de peso, além de problemas cardiovasculares e outros

Sedentarismo: a previsão é que até 2030, a inatividade física possa abreviar em até cinco anos a expectativa de vida, caso seja mantido o ritmo atual. Entre as mulheres, o risco ainda é maior: segundo o Inca, um estudo divulgado pela revista médica Lancet afirma que 13,4% dos casos de câncer de mama são diagnosticados em mulheres sedentárias

Tabagismo: todo ano cinco milhões de pessoas morrem no mundo por causa do cigarro. Não só o fumo ativo, mas o passivo também aumenta os riscos de doença. E a nicotina participa indiretamente com mais de 70 substâncias cancerígenas existentes na fumaça do cigarro

Genética: entre 10% a 15% dos casos há uma predisposição genética como fator mais importante. É preciso relevá-lo quando há na família, pessoas com tumores abaixo dos 50 anos ou quando há o mesmo caso pelo menos duas pessoas familiares, principalmente antes dos 50

Fonte:BEM-ESTAR
Postado por:Elisete Bohrer
+ Mais Informações ››››››

Preso suspeito de integrar quadrilha de ataque a bancos no RS

Grupo seria responsável por seis ocorrências somente em 2013

O Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) da Polícia Civil capturou nesta segunda-feira mais um suspeito de integrar uma quadrilha responsável por seis ataques contra agências bancárias somente em 2013 em Porto Alegre e Região Metropolitana.

A equipe do delegado Joel Wagner cumpriu cinco mandados de busca e apreensão e outros três mandados de prisão no bairro Rubem Berta, na Capital. Houve o recolhimento de munição ponto 40, um capacete de soldador usado em arrombamento de caixas eletrônicos com maçarico, uma balança de precisão e um blusão da divisa de terceiro sargento da Brigada Militar, além de duas Ford EcoSport e um Astra. Durante a operação, outros dois suspeitos foram detidos apenas para averiguação. O delegado quer descobrir a origem do vestuário encontrado.

Na ação foi preso Véio João, de 47 anos, considerado pelo delegado Joel Wagner como um especialista em arrombamento de terminais bancários e cofres. O criminoso possui vários antecedentes criminais, com ataques a bancos cometidos desde o final da década de 1990, além de roubo a joalherias, como um realizado em outubro de 2012 em Lajeado.

Para surpresa dos agentes, um outro investigado já havia sido preso com uma pistola pelo 15ºBPM de Canoas no dia 19 de novembro passado. De acordo com Joel Wagner, a investigação descobriu ainda que um segundo suspeito foi morto, com vários tiros, em outubro no bairro Humaitá, na Capital. Um terceiro criminoso não foi encontrado ontem e permanecia foragido.

Na semana passada, a equipe do delegado Joel Wagner havia capturado os dois líderes da quadrilha, portando uma carabina calibre 30; uma pistola calibre 40; mais de 40 munições; um colete balístico; um radiocomunicador; nove algemas plásticas; um uniforme de vigilante; três celulares; e cinco controles remotos de portas eletrônicas giratórias de bancos. A dupla era remanescente do bando de Cafuringa, que está recolhido na Penitenciária Estadual do Jacuí. Nenhum indício foi encontrado pelos policiais civis sobre o envolvimento atualmente de Cafuringa com os dois.

Na Capital, a quadrilha atacou o Santander da avenida Carlos Gomes, Itaú e Bradesco da avenida Farrapos, além do Bradesco da avenida Baltazar de Oliveira Garcia. Já em Gravataí, o alvo foi o Banco do Brasil por duas vezes.

Foto:André Ávila
Fonte: Correio do Povo
Postado por:Elisete Bohrer
+ Mais Informações ››››››

Fotos do dia

Historia dos cactos

Os cientistas acreditam que por um processo chamado evolução, os seres vivos se diversificaram e,   assim, puderam ocupar os mais diferentes ambientes. Alguns grupos de plantas se tornaram   especialistas em viver nas regiões secas, entre os quais estão os cactos – plantas da Família das   Cactáceas. Mesmo atravessando longos períodos sem chuvas, eles conseguem permanecer verdes e   vigorosos. Suas formas são variadas, a maioria tem espinhos e alguns dão flores muito vistosas,   atraindo insetos, pássaros e até morcegos! Quanto aos tamanhos, podem ser pequenos (com dois   centímetros de altura, por exemplo) ou ter até dez metros de altura.
  Embora sejam adaptados à vida em áreas secas, no Brasil, podemos encontrar cactos em diversos   tipos de ambientes. No Nordeste temos o mandacaru, uma espécie que simboliza a região. Ao longo   do litoral, nas restingas, os cactos fazem parte da paisagem, já que resistem ao sol forte e ao calor   excessivo das areias nos meses de verão. Há, também, os cactos chamados 'flores-de-maio', que são   cactos ornamentais encontrados facilmente em floriculturas e que, na natureza, ocorrem em florestas   que vão do estado de Santa Catarina até o estado do Espírito Santo.
  CURIOSIDADES SOBRE OS CACTOS
  • A origem do nome: o termo 'cactos' foi usado há cerca de 300 anos antes de Cristo pelo grego   Teofrastus. Em seu trabalho chamado Historia Plantarum , ele associa o nome cacto à plantas   com fortes espinhos. Embora os cactos possam ter formas diversas, ainda hoje associamos a  idéia de que são plantas com muitos espinhos.
  • Nem todas as plantas que mantêm água dentro da sua estrutura são cactos. Essa   característica   também é comum às plantas suculentas. A diferença é que os cactos têm   apenas caule e espinhos e as suculentos também têm folhas e nem sempre espinhos.  
  • Todos os cactos florescem, porém algumas espécies só dão flores após os 80 anos de idade   ou atingir altura superior a dois metros. Depois da primeira floração, todo ano, na mesma   época, as flores voltam a aparecer.
  • Algumas espécies dão frutos comestíveis. É o caso do cacto mexicano Opuntia Ficus-indica,   que produz o conhecido figo-da-índia.
  • Cactos podem viver até 200 anos e alcançar 20 metros de altura (como o Cornegia gigantea,   originário dos EUA e México). Mas também existem espécies minúsculas. A menor conhecida é   o Blosfeldia liliputana, dos Andes bolivianos, com apenas 0,5 centímetros de diâmetro.
  • Apesar de 92% de sua estrutura ser composta por água, a presença do cacto indica sempre   um   solo pobre e seco.
  • No mundo, existem mais de duas mil espécies de cactos catalogadas. Só no Brasil, são mais   de 300 tipos.
  • Os cactos reproduzem-se tanto por sementes quanto por estacas.















Fontes de pesquisa: Rev. Ciência Hoje e Suplementos Agrícola e Feminino do Estadão
Fotos e postagem:Elisete Bohrer
+ Mais Informações ››››››

Postagens que talvez você não viu!!!