quarta-feira, 19 de abril de 2017

Cientistas descobrem nova 'super-Terra'

Na órbita de uma estrela "vizinha", cientistas descobriram um novo planeta rochoso como a Terra, mas de dimensões maiores - um tipo de astro apelidado pelos astrônomos de "super-Terra". A descoberta foi publicada nesta quarta-feira, na revista Nature.

Segundo os autores do artigo científico, a super-Terra tem características que a colocam na "zona habitável" de sua estrela, isto é, o novo planeta teria as condições necessárias para a existência de água em estado líquido.

A presença de água líquida, segundo os cientistas, é o critério indispensável para a potencial existência de vida em um planeta. Com isso, a nova super-Terra é considerada uma candidata às pesquisas em busca de vida extra-terrestre.

O artigo revela que a estrela LHS 1140, em cuja órbita foi descoberto o novo planeta, está a 39 anos-luz do nosso Sol. Embora a distância seja imensa, a estrela pode ser considerada "vizinha" em relação à extensão da nossa galáxia, a Via Láctea, que abrange cerca de 100 mil anos-luz.

"É o exoplaneta mais emocionante que vi na última década. Dificilmente poderíamos esperar um alvo melhor para realizar uma das maiores buscas da ciência: evidências de vida fora da Terra", declarou o autor principal do estudo, Jason Dittmann, do Centro Smithsonian de Astrofísica, em Cambridge (Estados Unidos).

De acordo com Dittmann, a LHS 1140 é uma estrela anã, como são chamadas as estrelas cuja massa equivale a menos de 60% da massa do Sol. As estrelas anãs são a classe de estrelas mais comuns na Via Láctea.

Dittmann explicou que a nova super-Terra, batizada de LHS 1140b, tem uma órbita circular em torno de sua estrela e possui um diâmetro 40% maior que o da Terra, com uma massa 6,6 vezes maior que a do nosso planeta.
Embora fique mais próximo de sua estrela, em comparação à distância entre a Terra e o Sol, o LHS 1140b tem clima temperado, já que a pequena estrela emite menos radiação. Essas condições colocam o planeta na "zona habitável" do sistema LHS 1140.
Segundo os autores, o tamanho reduzido da estrela LHS 1140 e sua proximidade em relação à Terra, deixam o novo planeta acessível aos telescópios, tornando-o um excelente candidato a estudos mais aprofundados em busca de vestígios da existência de vida.

"As condições atuais da anã vermelha são particularmente favoráveis - a LHS 1140 gira mais lentamente e emite menos radiação de alta energia do que outras estrelas similares de baixa massa", disse outro dos autores do estudo, Nicola Astudillo-Defru, do Observatório de Genebra (Suíça)
+ Mais Informações ››››››

MST colheu 27 mil toneladas de arroz sem veneno

Em tempos de investigações de fraudes que colocam sob suspeita os produtos e os modos de produção de alimentos provenientes da indústria que integra o agronegócio brasileiro, as 27 mil toneladas de arroz orgânico (livre de veneno) da safra 2017 produzidas pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) apontam para um outro modelo viável de produção. Atualmente, o MST é líder na produção de arroz orgânico na América Latina.

A agricultura orgânica vai além das feiras ecológicas de final de semana – como poderiam argumentar os críticos do movimento. Ela incide sobre os indicadores da agropecuária no país. Em 2015, o Ministério da Agricultura constatou que o total de agricultores certificados para a produção livre de agrotóxicos duplicou no período de 12 meses, ultrapassando 10,5 mil produtores. Até 2019, a certificação orgânica deverá envolver 30 mil produtores. No Rio Grande do Sul, a agricultura familiar vem respondendo por mais da metade das receitas provenientes da atividade agropecuária na última década. Nesse período, as unidades de produção familiares geridas de forma sustentável responderam por 49% dos R$ 14 bilhões de receitas geradas pela atividade agropecuária.

“Até hoje a sociedade tem certa resistência, parece que nós somos uns animaizinhos, mas pode escrever: a agricultura livre de agrotóxicos não tem a ver só com o movimento dos sem-terra, é de interesse de todo mundo, especialmente em um momento de crise da indústria em todos os setores”, resume Nilvo Bosa, presidente da Cooperativa de Produção Agropecuária Nova Santa Rita (Coopan) e um dos pioneiros do assentamento Capela, região Metropolitana de Porto Alegre. “Não é uma opção puramente econômica, mas por um modo de vida íntegro, que enxerga a agricultura como uma atividade ecológica para o benefício das famílias que produzem e daquelas que consomem, com respeito ao ambiente e à biodiversidade”, detalha Bosa, que vê com naturalidade a discriminação aos sem-terra, mesmo de quem frequenta feirinhas e consome os alimentos produzidos nos assentamentos. “Ideologicamente a gente não discute com ninguém, mas está comprovado que, aplicando inseticida na lavoura, o que vem pela frente é intoxicação”.

+ Mais Informações ››››››

Inaugura em Três Palmeiras, nesta segunda Feira a AGRO WS

Nesta segunda feira dia 24 de abril inaugura ao lado do Escritório Contábil Algayer nas antigas instalações da Instaladora Ecker, a AGRO WS.

  • Exposição de Maquinas.
  • Sorteio de brindes.
  • Promoções especiais de Inauguração.
Venha nos visitar e conferir toda a linha de maquinas agrícolas, ferragens, rações, insumos, mudas de hortaliças, sementes, pintos, medicamentos veterinários, e muito mais.
Telefone: (54) 9 9901 1409.
+ Mais Informações ››››››

PROGRAMA INFORMATIVO DA PREFEITURA MUNICIPAL DE TRÊS PALMEIRAS DE 19-04-2017


+ Mais Informações ››››››

Programa Passos na Fé de 19-04-2017


+ Mais Informações ››››››

Jornal da Liberdade edição 1724


+ Mais Informações ››››››

943 - 19 DE ABRIL, QUA - QUAL O MEU ANSEIO MAIS PROFUNDO


+ Mais Informações ››››››

Reforma da Previdência começará a ser votada 8 de maio

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou nesta terça-feira que a reforma da Previdência começará a ser votada no plenário da Casa a partir de 8 de maio. Por se tratar de uma emenda constitucional, a proposta precisa ser votada em dois turnos e, para ser aprovada, precisa de pelo menos 308 votos favoráveis, o equivalente a 3/5 dos 513 deputados.

O parecer do relator, deputado Arthur de Oliveira Maia (PPS-BA), sobre a reforma deve ser lido nesta quarta-feira, 19, na comissão especial que analisa a matéria. Em seguida, serão concedidos prazos de vistas de duas sessões para deputados analisarem o texto, o que deve jogar a votação no colegiado para a semana entre 24 e 28 de abril. "No plenário, devemos votar a partir de 8 de maio", disse Rodrigo Maia, em rápida entrevista ao Broadcast Político, serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado, ao chegar a Câmara.

O deputado do DEM evitou comentar sobre o protesto de policiais contra a reforma da Previdência, que gerou confusão e quebradeira na Câmara. Mais cedo, um grupo de manifestantes quebrou vidraças da chapelaria, uma das principais entradas da Casa. Policiais legislativos, então, reagiram com bombas de gás lacrimogênio e gás de pimenta. "Não afeta a reforma da Previdência", limitou-se a comentar Rodrigo Maia.
+ Mais Informações ››››››

Postagens que talvez você não viu!!!