terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Apreensão de maconha cresce mais de 300% ano passado no RS

As polícias Civil, Federal e Militar realizaram uma série  de apreensões de maconha em 2011 que elevaram a quantidade de droga recolhida em relação aos anos anteriores.
Dados atualizados das três corporações indicam que o volume de maconha apreendida ao longo do ano passado é 328% maior do que o registrado em 2010 e 112% superior ao de 2009.
Por trás dos números, está a estratégia das polícias de desarticular grupos responsáveis pelo transporte da droga proveniente, em sua maior parte, do Paraguai. Nas quatro principais ações realizadas no ano, por exemplo, responsáveis pelo recolhimento de 6,5 toneladas de maconha — ou seja, 54% do total, a droga foi apreendida em veículos na estrada ou escondida em propriedades rurais que serviam de entreposto antes de serem distribuídas.

O delegado Heliomar Franco, coordenador de investigações do Departamento Estadual de Investigação ao Narcotráfico (Denarc) avalia que quando se apreende uma quantidade maior de droga antes de ela ser distribuída, o impacto financeiro nestes grupos é maior. 
A tática de interceptar as drogas antes de elas serem revendidas a bandos menores nos grandes centros urbanos do Estado devem ser reforçada ao longo de 2012 pela Polícia Civil. O Denarc deve enviar em março agentes à paisana para as fronteiras com Argentina e Uruguai e para a divisa com Santa Catarina.
A nossa região por ser de divisa com o estado visinho de Santa Catarina, e rota de entrada no RS, já teve apreensões históricas de maconha. As duas maiores ocorrem em Iraí.
Em Setembro de 1997: 3,9 toneladas interceptadas pela policia, a droga foi encontrada em um caminhão. É considerada a apreensão recorde no Estado.
Em março de 2009: 1 tonelada, dividida em 1.297 tijolos trazidos de Foz do Iguaçu (PR) foram encontrados dentro de sacas de caco de vidro.

Fonte: http://www.comunitaria.com.br ; Comunitária FW
+ Mais Informações ››››››

PRF de Sarandi apreende 550 pacotes de cigarros contrabandeados

 
A Polícia Rodoviária Federal de Sarandi efetuou duas prisões por contrabando nesta segunda-feira, dia 30.
No final da tarde, a Polícia Rodoviária Federal de Sarandi e o Núcleo de Operações Especiais (NOE), apreenderam 550 pacotes de cigarros da marca Classic oriundos do Paraguai.
A carga era transportada em um veículo GM Monza com placas de Anta Gorda/RS. Conforme informações do condutor de iniciais V. J de 34 anos, o cigarro foi adquirido em Foz do Iguaçu/PR e seria revendido na região da Serra Gaúcha.
A mercadoria foi apreendida e encaminhada à Receita Federal de Passo Fundo. Já o proprietário do veículo, foi encaminhado à Polícia Federal e responderá pelo Crime de Contrabando.

Fonte:www.comunitaria.com.br ; Comunitária FW
+ Mais Informações ››››››

Postagens que talvez você não viu!!!