Nossos Parceiros

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Polícia Civil identifica a autoria das quatro mortes ocorridas na ERS 404 em Rondinha/RS

Foto: RogérioMachadoBlog
A Delegacia de Polícia de Rondinha, com o apoio do Serviço de Inteligência (SIPAC) da 28ª DPRI/Carazinho, identificou o motorista que conduzia um caminhão bitrem, no dia 10/01/2017, pela ERS 404, KM 18, em Rondinha/RS, e causou a morte, por atropelamento, de quatro pessoas, local em que um veículo Prisma havia capotado. O fato gerou grande repercussão na imprensa estadual, inclusive em nível nacional, pois três das vítimas fatais estavam no local para prestar socorro ao motorista e aos passageiros do Prisma que havia capotado. A quarta vítima fatal foi o motorista do veículo Prisma, que morreu não em decorrência do capotamento, mas sim do atropelamento pelo caminhão. As investigações foram coordenadas pelos Delegados de Polícia Edson Tadeu Cezimbra e Leandro Antunes. Conforme o Delegado Cezimbra, desde o momento que a Polícia Civil tomou conhecimento do fato houve um intenso trabalho de investigação e de inteligência para que se pudesse chegar a identificação do veículo que causou os óbitos, bem como a identificação do motorista que o conduzia. Cezimbra salientou que, como não foram encontrados no local do acidente qualquer vestígio que indicasse as características do veículo, bem como nenhuma testemunha soube informar o tipo de caminhão, foi preciso trabalhar com imagens de câmeras de segurança, sendo que, após delimitar o possível horário do fato, é que se chegou as características e detalhes do caminhão.
O motorista, que é de Xanxerê/SC, foi intimado e compareceu na tarde dessa terça­ feira (07/02), na DP de Rondinha, acompanhado de advogado, onde foi interrogado por três horas. Confirmou que passou pelo local do fato com o caminhão bitrem, momento que chovia muito, e teria sentido um solavanco e um barulho como se fosse o estouro de um pneu, mas que não viu as vítimas ou que as tivesse atropelado, motivo alegado para não ter parado e prestar eventual socorro. A Polícia Civil aguarda os laudos periciais do local do acidente, dos laudos das necropsias, bem como realizar algumas diligências faltantes, como também efetuar a perícia técnica no caminhão bitrem para concluir o inquérito e remeter à Justiça. O motorista será indiciado por homicídio culposo, pelas 4 mortes, e ainda será analisado quanto à fuga do local do acidente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens que talvez você não viu!!!

Nossos Parceiros