Nossos Parceiros

sexta-feira, 31 de março de 2017

Paciente tem a vesícula removida por engano no RS

Imagem meramente ilustrativa
Mulher de 36 anos registrou ocorrência contra médico cirurgião de Alegrete, na Fronteira Oeste do RS.

Conforme o BO, a irmã de 31 anos estava internada para realizar um procedimento de retirada de queloide (crescimento em excesso do tecido de cicatrização no local de um ferimento já curado), da cesária.

Depois que retornou do bloco cirúrgico, ainda na recuperação, percebeu que a dor estava em outra região da barriga e que a queloide não havia sido removida. A família da paciente tentou entrar em contato com o médico para saber o que tinha acontecido, mas segundo informações, não conseguiu.

Mais tarde através de enfermeiros, soube que na verdade ela havia sido submetida a uma cirurgia para retirada da vesícula, o que foi um susto para todos, já que ela não apresentava problemas e tampouco tinha realizado exames para retirada de tal órgão.

No dia seguinte quando conseguiram falar com o cirurgião, depois de um outro profissional de saúde intervir e pedir para que ele desse uma explicação, diante do erro, o médico teria explicado que viu exames da paciente relacionados à vesícula (pedras). Quando foi solicitado os exames ele teria dito que não tinha e que poderia ter ocorrido uma troca, mas que a falta de vesícula não iria ocasionar problemas para a mulher, devido ao fato de não fazer falta.

Além de não tirar a queloide a paciente ficou com outra marca no lado direito da barriga, onde foi realizado a cirurgia, no último dia 28 de março.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens que talvez você não viu!!!

Nossos Parceiros