Nossos Parceiros

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Presidente da Funai quer renda própria para as aldeias

O mineiro Antonio Fernandes Toninho Costa de 66 anos de idade, e com 25 anos de trabalho na saúde indígena, tem o desafio de chefiar a Fundação Nacional do Índio, a Funai, e proteger os direitos de 200 povos constantemente ameaçados. Consciente de liderar uma instituição enfraquecida, Costa, que é pastor evangélico, está comprometido em resolver conflitos históricos. “Busco a paz no campo”, diz. “E a Funai vai ser este elo de mediação”. O dentista está desde 12 de janeiro à frente de uma instituição federal que devia ter 6 mil funcionários mas só tem 2.600, sendo 500 emprestados, e um orçamento para projetos que já foi de R$ 200 milhões e hoje está reduzido à metade.
Costa quer a aproximação da Funai com Congresso e Ministérios, defende a criação de um fundo indenizatório para tornar viável processos de demarcação e pretende promover sistemas de produção sustentável que gerem renda aos índios. “O momento da Funai assistencialista não cabe mais, temos que produzir sustentabilidade, ensinar a pescar”, afirma. ”
Indicado ao cargo pelo Partido Social Cristão (PSC) presidido pelo pastor Everaldo, Costa diz que não é político. Passou os últimos anos assessorando comissões do partido, mas prefere exibir suas credenciais de formação em saúde indígena pela Unifesp, vigilância sanitária pela Fiocruz e trabalho de campo no Mato Grosso do Sul, Maranhão e Amazonas. Praticamente desconhecido entre antropólogos e instituições indigenistas que lutam pelos direitos dos índios à terra, Costa diz que sua meta é o fortalecimento da instituição. “Se a Funai se fortalece, temos condições de diminuir os conflitos”, aposta.
Ele acredita que o diálogo ajudará a resolver os conflitos e minimiza o processo de evangelização indígena. Em sua primeira entrevista a um veículo nacional, Costa reconhece que os índios sofrem preconceito no Brasil, diz que as escolas “tinham que ensinar mais” e que “todos nós temos um pouco de índio”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens que talvez você não viu!!!

Nossos Parceiros