Nossos Parceiros

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

32° Carijo da Canção Gaúcha Comissão anuncia detalhes do festival

No domingo, a grande novidade será o show de humor com o Guri de Uruguaiana

Em uma coletiva de imprensa na manhã desta quinta-feira (9), no Centro Cultural Mozart Pereira Soares, a comissão organizadora do 32° Carijo da Canção Gaúcha anunciou algumas informações pertinentes ao evento e sua programação. Patrimônio Cultural do Rio Grande do Sul e integrante do calendário oficial de eventos do estado, o 32° Carijo acontecerá de 25 a 28 de maio de 2017, em Palmeira das Missões, no Parque de Exposições.
O presidente desta edição será Delfino Suzano Junior, que agradeceu a confiança por estar mais um ano frente ao Carijo. O vice-presidente será José Edenardo Fruet de Souza, tradicionalista, que sempre esteve envolvido com o festival. Os shows que animarão o público desta 32ª edição serão, na quinta-feira, dia 25, Luiz Marenco; na sexta-feira, dia 26, Caravana Chamamecera, com Os Fagundes, Helton Saldanha e Alejandro Brittes; no sábado, dia 27, acontece o show baile com o Grupo Rodeio, que promete até cinco horas de apresentação. Já no domingo, dia 28, o público prestigiará o espetáculo do Guri de Uruguaiana, que mistura música, tradicionalismo e humor.
Os apresentadores serão os conhecidos Liliana Cardoso Duarte e Zeca Amaral, que tão bem conduziram as apresentações das concorrentes ao 30° Carijo. Quanto ao corpo de jurados, será formado por Adam Cesar, Vaine Darde, Carlitos Magallanes, Adão Quintana e Aurélio Moraes.

Lei Rouanet
Neste ano, a Prefeitura Municipal de Palmeira das Missões, responsável pela realização do festival, conseguiu a aprovação do projeto do 32° Carijo da Canção Gaúcha pelo Ministério da Cultura via Lei Rouanet, na área de patrimônio cultural e segmento: preservação de patrimônio imaterial. Por este motivo foi possível enquadrar o projeto no artigo 18, o que permite a dedução de 100% do valor do patrocínio no Imposto de Renda das empresas patrocinadoras, facilitando a captação de apoiadores.
Como observou o prefeito Eduardo Russomano Freire, a conquista da Lei Rouanet é muito importante para a realização do Carijo, contudo, as empresas locais de médio e pequeno porte que tradicionalmente vêm apoiando o festival ao longo destes anos continuarão sendo bem vindas, cada uma com suas possibilidades de patrocínio. O presidente Junior também salientou a continuidade da Mostra da Indústria, Artesanato e Serviços de Palmeira (MIP), que estará em sua 16ª edição, bem como o Carijinho da Canção Gaúcha, que vem revelando talentos locais e de todo o estado, tendo ganhado nas últimas edições uma atenção especial, com suas apresentações no palco principal e gravação de CD e DVD.
A comissão também salientou sobre a retomada da Casa de Cultura, espaço para divulgação da história do festival e da produção de erva mate, interligada diretamente ao nome do festival. Além disso, Junior também observou quando aos avanços realizados no espaço do palco paralelo, conhecido como lonão, onde acontecem os shows gratuitos. O local vem recebendo melhoramento de estrutura e shows, qualidade esta que deve continuar nesta próxima edição. “No lonão daremos prioridades aos artistas locais, porém na sexta-feira queremos trazer um show baile de renome estadual”, afirmou ele.
O prefeito Eduardo destacou ainda que a comissão buscará por inovações, sendo que muitas novidades serão divulgadas nas próximas semanas. Quanto à infraestrutura do Parque ele lembrou os ajustes já executados na parte elétrica e hidráulica, além do asfalto de quase 90% das ruas, realizado em 2015. “Já estamos em tratativas com as secretarias de Obras e Serviços Essenciais, responsáveis pela manutenção do local para as melhorias”, assegurou.
A comissão esclareceu também que em março assinará um acordo com o Ministério Público, que permite o Município utilizar novamente a Rua Leopoldo Rassier, dentro do Parque, conhecida pejorativamente como inferninho. A Rua havia sido interditada pelo Poder Judiciário, tendo em vista a ação movida pelo MP no ano passado. Com o acordo, a Rua deverá ser ocupada intercalando acampamento e comércio, sendo que as barracas ali instaladas deverão ser apenas de clubes de serviços, entidades, patrocinadores e empresas. Ainda, conforme o acordo, a Prefeitura deve construir um módulo fixo para a Brigada Militar, que poderá ser utilizado em outros eventos. Este acordo será protocolado junto ao Poder Judiciário, requerendo-se a homologação pelo juiz.

Novos desafios
Com a reformulação da Administração Municipal no início deste ano, a secretária municipal de Educação, Nirlene Boeri, passou a ser a responsável pelas pastas da Cultura e Turismo e também Esporte e Lazer. Durante a coletiva de imprensa, Nirlene falou sobre o trabalho realizado nestes quatro anos frente à Educação, e dos desafios que as novas secretarias devem impor. “Nenhum projeto da Cultura ou do Esporte será cortado, pelo contrário, queremos ampliar as atividades, uma vez que já redirecionamos alguns funcionários para atuarem nas respectivas pastas”, garantiu ela.
Quando ao Carijo, Nirlene argumentou que a Educação sempre foi a responsável pela realização do Carijinho, portanto já conhece as responsabilidades que o evento impõe, guardando as proporções que o Carijo possui. Como ponderou ela, alguns detalhes do festival já vinham sendo analisados antes do fim do ano, devido à reserva de datas com artistas, por exemplo. Em breve, o prazo de inscrições para as músicas concorrentes será divulgado, bem como a data da triagem.



Fotos: Priscila Devens/AI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens que talvez você não viu!!!

Nossos Parceiros